2015 Adriana Araujo

Balanço de Leituras - Janeiro

8.2.15Conversa Cult


Janeiro foi mês de férias para a maior parte da equipe, o que resultou em muitos, muitos, muitos livros e HQs. Por isso, o Balanço de Leituras que inaugura a versão 2015 da coluna - cujo banner ganhou uma cor nova - vem cheeeia de recomendações e indicações de leitura.

Venham conferir as leituras o que Adriana, Dana, Diego, Elilyan, Isabelle João, Paulo e Eduardo, que estreia nessa coluna, leram esse mês. E não se esqueça de compartilhar o que você leu também! :)


>>> ADRIANA
Número de livros lidos: 1

Como foi o mês? Fraquinhoooo. Ainda tava tendo aulas e não tive muito tempo. 

Livro que mais gostou: -

Livro que menos gostou: -

Demais leituras: Procura-se um marido, de Carina Rissi, autora de Perdida, meu livro favorito do ano passado. Só que nesse a autora perdeu a mão, o livro é bem mediano. É o que eu costumo chamar de "nem bom, nem ruim". Seria algo como 3 conversinhas, se fosse resenhado. A história tem um enredo meio batido e os personagens são pouco carismáticos. Enfim, não rolou muito pra mim.  


>>> DANA

Número de livros lidos: 3 livros completos, 1 na metade, 1 ensaio, 1 HQ e 1 revista

Como foi o mês? Acho que esse é o meu mês mais produtivo em muito tempo. Com leituras ótima. Tá ótimo.

Livro que mais gostou: Por Lugares Incríveis, da Jennifer Niven. Um livro inesperado que mexeu comigo demais e com tanta coisa para aproveitar (as andanças, a coisa de deixar algo seu, a de reconhecer o valor, a temática...). Espero que eu continue lembrando desse livro.

Livro que menos gostou: Mundo Novo, do Chris Weitz. Não é um livro ruim, mas merece o lugar de menos gostei, por causa de algumas merdas que faz. Ainda assim, me fez escrever textos que eu adorei e rever o conceito de distopia. 

Demais leituras: A Vingança Dos Sete - Os Legados de Lorien - Vol. 5, do Pittacus Lore. Fiquei triste de não ter colocado como o que mais gostei, eu adoro essa série e adorei esse livro. Já estou ansiosa para setembro. 

Invisível, do David Levithan e Andrea Cremer. (ainda lendo) Vi na livraria e adorei no mesmo instante, ainda mais de ter a Andrea Cremer e fiquei feliz pela chance de conhecer o David. Até agora tá muito bom. Se eu tivesse terminado, ia brigar pelo lugar de que mais gostei. Vamos ver se continua assim.

Sejamos todos feministas, da Chimamanda Ngozi Adichie. Esse ensaio (o nome bonito pra um post um pouco mais longo) sobre feminismo é lindo. Chimamanda se expressou sobre o feminismo de uma maneira que antes (pra mim) era só um conceito abstrato vagando por aí. A Companhia das Letras colocou pra download gratuito em qualquer loja de ebook brasileira (amazon br, google play). Basta pesquisar e baixar. Vale muito a pena. Foi minha primeira leitura do ano! Resenha de "Americanah".

Capitã Marvel Vol. 3, lançado pela Panini Brasil. Se eu já tava gostando dos anteriores, esse foi a melhor coisa. Surgimento de vilões, surgimento da Ms. Marvel, tema da história e até a forma como eles conseguiram levar a trama em frente no meio do crossover do Infinito. Se restava dúvidas sobre gostar da Carol Danvers, elas acabaram.

Revista: nem sei o nome da revista que eu li, mas ela falava sobre uma marca de camisas feita por dois irmãos que começaram no mundo pré-internet vendendo pelos Estados Unidos num carro. Foi legal. 


>>> DIEGO

Número de livros lidos: Só 1 graphic novel!

Como foi o mês? MARAVILHOSO! Não li absolutamente nada por que estava viajando e estreei as leituras do ano só nos ultimos dias de janeiro.

Livro que mais gostou: Through the Woods, de Emily Caroll: uma antologia de histórias de terror sensacional e envolvente que me fez até gritar de medo em alguns momentos.

Livro que menos gostou: -

Demais leituras: -


>>> EDUARDO

Número de livros lidos: 1 completo, 1 incompleto e 4 HQ's.

Como foi o mês? Aquela coisa de férias: Você promete ler o máximo que pode, mas acaba lendo 1 livro o mês inteiro -.- Mas, era um livro de 660 páginas, então vou continuar contando a história de que foi um bom mês...

Livro que mais gostou: Battle Royale, de Koushun Takami. Subestimei o final e acabei me impressionando. Achei que, como estavam caminhando para um "final feliz", a história terminaria assim, mas me peguei realmente animado com o final. Aliás, o livro só apareceu nessa parte de "mais gostou" porque eu adorei o livro a partir da metade (e porque meu personagem preferido morre e eu não esperava por isso).

Livro que menos gostou: Battle Royale, de Koushun Takami. Sim, o mesmo livro! O começo é um SACO. Ok, é legal que ele descreva a morte de todos os 42 alunos e tudo mais, mas eu não queria saber nada da vida daqueles 42 alunos com nomes que só me faziam travar a leitura! Eu entendo que o autor queria fazer cada morte valer a pena, mas não conseguiu me fazer conectar com nenhum dos 25 alunos que morreram na primeira metade do livro. E o personagem principal? Vontade de eu mesmo ir lá e dar um tiro nele.

Demais leituras: No começo do mês terminei de ler Guia do Mochileiro das Galáxias, mas nem conta porque foram só umas vinte páginas. 

Li duas HQ's que terminam o vol. 1 de Young Avengers e <3. Também li  as duas que começavam Arqueiro Verde dos Novos 52 e, apesar de não serem tão empolgantes assim, com certeza vou ler as outras.

O incompleto é o Sangue do Olimpo que estou lendo agora e ainda não li o bastante para ter um opinião sobre, mas Percy Jackson é Percy Jackson...


>>> ELILYAN

Número de livros lidos: 1 livro completo, 2 releituras, 6 livros incompletos e 3 revistas

Como foi o mês? Cheio de coitos interrompidos. Tenho uma nova mania super chata: começar um livro quando esta faltando 2, 5, 10 paginas para acabar outro. Sempre li vários livros ao mesmo tempo, mas sempre procurei priorizar a leitura que faltasse menos página para ser finalizada. Se não fosse essa nova mania teria terminado o mês com 7 livros lidos. Droga!

Livro que mais gostou: Como acabei não terminando de ler o livro que tinha o potencial de ser o melhor de todos vou indicar uma das minhas releituras: Cinquenta Tons de Cinza. Foi legal reler o livro depois de 4 anos, tanto que escolhi ele para a estreia do Pornoliterário. Agora só resta aguardar o filme.

Livro que menos gostou: Ainda não terminei a leitura de O Pedido, de Katie Ashley, mas o livro está sendo um saco. Pena que se ele terminar de forma muito ruim vou abandonar a série que prometia tanto.

Demais leituras: O Pintassilgo, de  Donna Tartt. Excelente livro. Cheio de mistérios e desdobramentos fantásticos.

Shakespeare e o amor. Livreto fofinho com imagens lindas de quadros que foram pintados inspirados na obra de Shakespeare, além de conter fragmentos de seus poemas e peças.


>>> ISABELLE

Número de livros lidos: 4 completos, 3 releituras

Como foi o mês? Muito bom! No início foi meio arrastado, porque além de estar fazendo um calor terrível e isso ser desestimulante, ainda tinha o the sims pra me atrapalhar. Porém nada como momentos de tédio durante uma viagem pra alavancar o ritmo de leitura HGUDFHGIFDHGD

Livro que mais gostou: É CLARO, É OBVIO QUE FOI O LÍRIO DOURADO!! Estava esperando angustiadamente pelo segundo livro da série Bloodlines desde o dia em que fizemos o pedido pra Cia e olha, a espera valeu a pena. Mas só por um dia, porque terminei o livro em horas e voltei a ficar ansiosa pelo próximo. QUERO MAIS ADRIAN E SYDNEY!!!!

Livro que menos gostou: Quase deixei essa parte em branco porque gostei muito de todos os livros, mas seria injusta com os outros meses onde mesmo com dificuldade escolhi um. Então, Aprendi com Jane Austen entra aqui SEM MERECER, PORQUE É MUITO BOM!! O autor faz uma boa análise das principais obras da Austen e nossa, descobri que não percebi nem metade das coisas que poderia ser percebidas com as histórias dela. Valeu pelo aprendizado..

Demais leituras: O Beijo da Sombras, de Richelle Mead. Naturalmente reli o livro que ganhei de presente no amigo oculto, e foi ótimo. Tinha me esquecido do princípio de tudo e adorei o fato de poder analisar tudo o que aconteceu já sabendo o que rolou mais pra frente.

Eleanor & Park, de Rainbow Rowell. Peguei durante a viagem e ai, nossa. É muito fofo, muito adorável mas também tem uns momentos tão tristes, tão horríveis. Senti vontade de chorar várias vezes HUFHGIFDHGIDFHGD e o final me deixou meio "Ué", mas nada que estrague a doçura melancólica que é esse livro

Eragon, de Christopher Paolini. Eu estava há muito tempo querendo reler o Ciclo da Herança, mas só tinha os dois últimos livros. ENTÃO encontro Eragon vendendo numa feira de livros e AHHHHH, QUANTO AMOR!!! Eu não tenho palavras pra descrever o quanto eu amo essa saga. Amo os personagens, amo o mundo que o Christopher criou, amo tudo. Meu coração é acalentado a cada vez que leio esses livros *----*

Tocada pelas Sombras, de Richelle Mead. Este livro também foi comprado na feira, e após matar Eleanor & Park e Eragon muito antes de a viagem terminar, acabei pegando nele. A compulsão voraz que eu sinto pelos livro dessa mulher voltou com tudo e passei várias horas isolada de todos e com os olhos ardendo, sofrendo por antecipação com a bomba do final da história. Definitivamente amo demais essa saga q.

Star Wars - Herdeiro do Império, de Timothy Zahn. Comecei a ler no início do mês e só fui terminar no ÚLTIMO DIA DE JANEIRO mas a culpa não foi do livro, ok. O medo de a história fugir da essência de Star Wars se mostrou totalmente infundado ao longo das páginas e no final tudo o que eu penso é: cara, você mandou bem. Agora é aguardar pelo próximo volume.



>>> JOÃO

Número de livros lidos: 6 HQs e 1 livro incompleto

Como foi o mês? Muito bom. Foi definitivamente o mês em que li mais HQs (na vida toda, talvez) e foi tudo bem diferente do habitual. Teve um pesinho na consciência de leve pela falta de livros tradicionais, mas valeu a pena.

Livro que mais gostou: Posso dividir o posto? Preciso colocar Batman: Ano Um, porque foi a primeira coisa que li dele na vida e foi muito melhor do que eu esperava (tanto que acabei de comprar outra HQ dele), e Capitã Marvel (mais especificamente, o vol. 3), porque foi incrível e fez com que eu entedesse que a atenção que ela tá tendo agora é mais do que merecida.   

Livro que menos gostou: X-Men: Deus Ama, o Homem Mata. Eu não tinha nem ideia do quão datado esse material era, e perdi muito da apreciação da história por não gostar do estilo da arte e de recursos narrativos desnecessários. Espero ler de novo algum dia com outro olhar, porque a história vale a pena pela mensagem (e pela Kitty, que está incrível como sempre :B). 

Demais leituras: Os volumes 1 e 2 de Capitã Marvel, embora não tenham uma trama boa quanto a do último volume, foram quase tão incríveis quanto.

Li algumas (5 ou 6?) edições de Alias, material de base da futura série AKA Jessica Jones, e foi INESPERADAMENTE BOM. Um clima totalmente diferente do que o resto do universo Marvel, bem mais cru (cheio de mortes, mafiosos, sexo e palavrões). Nem sabia que tinha coisa de super-herói assim. Mal posso esperar pra ver a série e ler as outras edições.

A edição #38 da Mulher-Maravilha (único título que tô acompanhando periodicamente) teve uma melhora notável em qualidade e fez com que eu retomasse as esperanças.

E o único livro do mês, Mundo Novo, teve um começo bem lento (foi a primeira coisa que li no ano e a única que pediu uma pausa), mas bastante promissor. Acho que tem coisa boa vindo nas próximas páginas. Aguardemos.

Comentário aleatório: É muito difícil falar o quanto eu li de HQ aqui DDDD: Todo mês é uma luta. Deus, como faz pra contar isso de um jeito claro? KLJGKLSGJ


>>> PAULO

Número de livros lidos: 9 obras, incluindo uma antologia de contos e um quadrinho.

Como foi o mês? Sensacional, há um bom tempo eu não lia tanto assim em um mês! Tudo bem, um dos livros eu já tinha começado em 2014 e os outros foram curtinhos, mas, mesmo assim, li bastante.

Livro que mais gostou: Roube como um artista, de Austin Kleon: O livro perfeito para começar 2015: inspirador, cheio de dicas para me tornar uma pessoa ainda mais criativa. É um daqueles que vai ficar comigo para sempre.

Livro que menos gostou: O presente do meu grande amor, organizado pela Stephanie Perkins: Tantos autores legais, tanto potencial, mas um livro bem mediano. Alguns contos como o da Stephanie e o do Matt De La Peña são ótimos, mas Ally Carter e Lainy Taylor decepcionam. 

Demais leituras: Ordinário, de Rafael Sica: Li ao lado de uma amiga e toda hora parava para compartilhar com ela. O trabalho do Rafaek Sica é ótimo, e vocês deveriam conferir suas tirinhas.

Legend, de Marie Lu: Já não lia distopias há um tempo, e essa foi uma ótima maneira de voltar a esse tipo de livro. Com uma narrativa ágil, Marie Lu construiu um mundo e personagens cativantes.

Desventuras em Série (livros 1 a 5), de Lemony Snicket: Não vou comentar livro a livro, porque, né, todos são muito parecidos. Apesar disso, fiquei apaixonado pela história, ao mesmo tempo que me sentia desconfortável com o conde Olaf, o vilão da história.


--------------------------------------------

E você aí, do outro lado? Quais livros/hqs/mangás/revistas/bulas de remédio você leu em janeiro? Conta aí pra gente!

Confira aqui nossas outras leituras. 

TAGS: , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

3 comentários

  1. Nossa, senti que meu Janeiro não valeu de nada... Li dois livros e meio e ó: não gostei de quase nenhum :/
    Espero boas leituras para todos nós em fevereiro e no restante do ano kk
    Beijos
    missbennet.com.br

    ResponderExcluir
  2. Richelle Mead coisa mais lindona do universo! <3 O terceiro livro é ainda melhor, Bells, é tipo JDGSVALDJBKHVGVJLH\

    Quero ler hq's também, gente, que preguiça de criar vergonha na cara e começar.

    E em janeiro eu li.... nenhum livro! hahahahahha Antes eu sentiria um peso enorme na consciência por admitir que iniciei e fui quase até o final de vários livros e não consegui concluir nenhum, mas agora só consigo pensar "dormir, dormir, dormir <3 <3"

    ResponderExcluir
  3. Eu também entrei de férias em janeiro, só que eu sou o contrário de vocês. Férias pra mim significam: hiato de livros e séries. Eu me acostumei tanto a ler em ônibus/metrô que, quando estou em casa, a leitura simplesmente não flui. Só terminei de ler um livro de contos (que eu tinha começado em 2014) e uns capítulos do pessoal do Clube de Escrita (<3).

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *