50 Tons Mais Escuros CCAnálise

Nudez masculina e a polêmica do pênis de um milhão de dólares

25.5.15Elilyan Andrade

Um tratado sobre o nu frontal masculino na mídia

Ligue a TV agora.  Provavelmente você verá uma mulher nua fazendo, basicamente, qualquer coisa. Na sociedade misógina em que vivemos, os meios de comunicação vivem em prol do male gaze, ou seja, agradar o olhar do homem, branco e hétero, mesmo quando ele não é o público-alvo. Por exemplo, no filme Cinquenta Tons de Cinza, que tem claramente como público-alvo as mulheres, Jamie Dornan (ator que interpreta Christian Grey) não mostra o bilau dele em momento nenhum. Isso me irritou, até comentei na resenha do filme, mas deixei de lado porque o fato não me deixou "nível revoltada" com a hipocrisia. Bem, amigo, a coisa mudou de figura depois que li a matéria “Jamie Dornan recebe proposta milionária para mostrar tudo em 50 Tons Mais Escuros”. COMO ASSIM ELE VAI GANHAR US$ 1.5 MILHÕES PARA FAZER NU FRONTAL?! O QUE É QUE O PÊNIS DO JAMIE TEM DE TÃO PRECIOSO PARA MERECER UMA PROPOSTA MILIONÁRIA??


O que o pênis do Jamie Dornan tem de precioso, eu não faço ideia, mas sei que é bastante provável a matéria ser baseada em um rumor real, se levarmos em conta o histórico conservador e misógino de Hollywood. A indústria cinematográfica mais importante do mundo sempre tratou o pênis como um objeto mais precioso que o Santo Graal. Você é capaz de dizer de cabeça um filme comercial produzido por Hollywood que possua uma cena com nu frontal masculino? Provavelmente você citou algum filme europeu e lançado fora do circuito comercial.
Ewan McGregor em Velvet GoldmineO Livro de CabeceiraYoung Adam e Trainspotting
Hollywood pode ser o exemplo mais escrachado, mas o nu frontal masculino é tratado com melindres pela mídia no mundo todo. É muito fácil encontrar cenas onde a nudez feminina é explorada em profusão. É quase como se não pudéssemos lidar com o nu masculino. Quem não lembra da clássica cena de Game of Thrones onde Ygritte aparece completamente nua em frente a Jon Snow, que veste camadas e mais camadas de roupas? Se duvidar o cara está vestindo uma armadura por debaixo daquele casaco de peles. É constrangedor a forma como somos poupados da visão de algo que vemos todos os dias (estou supondo que você já viu um pênis alguma vez na sua vida). 

"Metade de nós tem um pênis e a outra metade provavelmente já viu um, e, assim, por que deveria ser mais normal, como, cortar a cabeça e atirar em pessoas? Isso quer dizer que a violência é mais aceitável ou mais perto de nós como seres humanos?" - Michael Fassbender

Lembro quando o filme Shame foi lançado que todo mundo comentava sobre o pênis do Michael Fassbender como se fosse um objeto do outro mundo. Até George Clooney tocou no assunto em seu discurso no Globo de Ouro. Gente, é só a porra de um pau! Como o próprio Fassy disse: “metade de nós tem um pênis, e a outra metade provavelmente já viu um”. Não há nada de tão emocionante em um pedaço de carne que em média tem 13,12 centímetros de comprimento, por 11,66 centímetros de circunferência, quando ereto. Mas como estarmos tão desacostumados a ver a mídia apresentar a nudez masculina em todo o seu apogeu temos reações enlouquecidas quando nos deparamos com um. 

Estamos condicionados a ver a nudez masculina como algo engraçado. A primeira vez que me deparei com um homem nu na minha vida, sem ser numa fotografia ou pintura, foi no teatro. Recordo-me de quando o ator apareceu nu tive uma crise de risinhos, assim como outras pessoas na plateia. O ator estava lá declamando um monólogo extremamente emocionante, mas em vez de lágrimas ele teve como retorno risos, só pelo fato de estar nu. Confesso que ainda acho o formato do pênis flácido engraçado e pouco atraente, mas já não caio no riso quando me deparo com um filme, série ou peça que não tem medo de expor o público ao órgão sexual masculino. Consigo não mais cair na gargalhada porque treinei meu olhar (obrigada, Tumblr). 


Treinar o olhar para encarar o que é comum como algo corriqueiro é trabalhoso e fica ainda mais complicado quando paramos para pensar sobre ereção. Quando vejo um pênis na tela sempre me pergunto sobre o seu estado de espírito. Será que estava frio? Me questiono mais ainda quando é uma cena com teor sexual. Imagine uma cena romântica entre dois personagens. Beijos, suspiros e lá vem o nu frontal masculino. COMO ASSIM?!! Ele tá de pau mole. Todo o trabalho dos atores foi por água abaixo porque a maior evidência física de interesse de um homem por outra pessoa não está lá! Muitos profissionais envolvidos com a indústria de cinema e televisão acreditam que um filme que apresenta o pênis ereto deve ser tachado automaticamente como pornografia. Acredito que essa opinião existe porque estamos tão desacostumados a ver um pênis flácido, no cinema e na TV, que só em pensar em um ereto é mais fácil condenar, do que encarar de frente a cobra. 

"A coisa sobre nudez masculina e Queer As Folk é que praticamente todo o tempo os personagens estão nus, estão em situações sexuais. Portanto, seria impossível a utilização do nu frontal, porque seria ereções, o que seria pornografia. Você verá pênis se você assistir ao show suficiente. Não estou prometendo o meu. " - Randy Harrison

A questão é que o fato de não lidarmos adequadamente com a visão desnuda do corpo masculino, mas em contrapartida termos uma super exposição feminina, diz muito sobre a nossa sociedade. A ficção muitas vezes reflete na realidade, e ela pode (e deve) ser usada como um instrumento para tirar o pênis da obscuridade. Quando somos continuamente expostos a algo desenvolvemos uma relação de “normalidade”. É por isso que precisamos ver mais, na televisão e no cinema, diversidade e homens nus. Como sabiamente disse Shonda Rhimes, precisamos “normalizar”, fazer com que a televisão, o cinema e a mídia como todo pareça mais com o mundo real. E no mundo real, meu amigo, homens ficam nus.

TAGS: , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

23 comentários

  1. O primeiro nu frontal masculino que lembro de ter visto em filme foi em O Piano, em que o Harvey Keitel aparece nu em pelo na frente da Ada, personagem da Holly Hunter. Lembro que na sala todo mundo deu uma risadinha, minha mãe falou "que pouca vergonha". Mas se fosse o contrário, ninguém ficaria desconfortável.

    Outro dia minha mãe mostrou um vídeo de um desfile de bolsas em que os modelos estavam nus e minha vizinha ficou com nojo. Ela deu risada e tudo mais, mas ficou com nojo, porque achava o corpo do homem feio e ofensivo. Ofensivo... É como foi bem dito no texto, enquanto um foi feito pra ser oculto ou outro lado é super exposto. E enxergar o corpo como algo "ofensivo" é um tabu que já deveria ter caído.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com você. Precisamos parar com o tabu do corpo nu. Infelizmente o tabu não é somente o corpo masculino, tudo que está fora do padrão nos parece ofensivo, por exemplo, já viu como algumas pessoas reagem com repúdio quando vêem fotos de nus de mulheres que estão fora do padrão vigente de beleza?

      Temos que educar nosso olhar para parar de ficarmos ofendidos com aquilo que é natural, mas por estamos desacostumados achamos grotesco, nojento e ridículo.

      Excluir
    2. Não sou obrigado a ver gente gorda sem roupa. Nem com roupa na verdade. Bjus.

      Excluir
  2. que viadagem ninguém quer ver pênis e sim vagina!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu pensei em deletar o seu comentário, mas acho importante deixar claro que nós somos bem viados mesmo e queremos ver pênis, sim.

      Excluir
    2. Comentário perfeito da Dana Martins! <3

      Excluir
    3. Se o anônimo apreciador de vaginas acima chegou aos comentários é porque e conteúdo sobre outros pênis estava bem interessante, mas como teve medo de seus sentimentos, teve que usar o escracho machista como defesa...

      Excluir
    4. Se o anônimo apreciador de vaginas acima chegou aos comentários é porque e conteúdo sobre outros pênis estava bem interessante, mas como teve medo de seus sentimentos, teve que usar o escracho machista como defesa...

      Excluir
    5. Se fode!
      Cada um vê o que faz feliz.

      Excluir
  3. Eu ví o vídeo do Game of Thrones (dessa tal de Ygritte), mas não achei o nu frontal feminino. Aliás, não sei onde tem tanto desse nu frontal feminino na mídia. Recordo-me mais de ter visto nu frontal masculino no que feminino. Dos poucos nus femininos que vi, a maioria era composta por "pêlo" ou "sombra", ou ainda uma combinação de ambas. E sei lá, peito pra mim não é "nudez".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È meu amigo, se vc viu mais nu frontal de homens que mulheres, vc se deu mal, pois eu ao contrário, vi muito mais perereca.. e show!

      Excluir
  4. Considerando ainda que há muito mais homens de "topless" nos filmes que mulheres, talvez fosse mais interessante um título assim ó: "polêmica dos seios de um milhão de dólares". https://pt.wikipedia.org/wiki/Topfreedom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mas seria uma situação diferente? é uma coisa bem louca, se for pensar. mamilos de homem: ninguém diz nada, passa até em filme pra família porque é ok. quer explorar o corpo: aí, sim, a mulher pode ficar pelada e explorada, porque é um contexto sexual e pra mostrar mesmo. já o homem? aí não, aí já é demais. é um troço bem bizarro oO

      e duvido muito que aquelas moças em game of thrones receberam um milhão de dólares. o que é interessante: não pode mostrar. mas peito de mulher é a coisa sexualizada mais sem valor que tem. (sem valor no sentido: é explorado gratuitamente. é a primeira coisa que mostram quando querem algo num contexto sexual)

      de qualquer modo, a mulher mostrar os seios é uma polêmica também e que também vale a pena ser abordada. :)

      Excluir
    2. Eu não enxergo como uma situação diferente. Veja bem: o que se discute aqui é algo cultural, e o que se pretende é mudar a situação, ou melhor, mudar essa cultura. Pois bem, essa sexualização de seios também é algo cultural.

      Tirando o fator cultura fica peito pra cada lado e aparelho reprodutor pra cada lado.

      Sinto muito pela provocação sobre o título, eu também não acredito que tenha sido pago essa quantia às atrizes por expor seus seios, eu fiz essa analogia me referindo à quantia considerável que se ganha numa comparação aos homens.

      Sobre a nudez masculina: Acho que aparece muito mais do que mulher, mais muito mesmo, e digo isso em todas as idades e em todo lugar. Vemos bebês nas novelas, meninos no filmes europeus. Exemplo de dia a dia: procure por qualquer coisa do tipo: "grupo resolve ficar nu em motivo de...", provavelmente vai ter um monte de homens pelados com a maioria das mulheres, senão todas, vestidas com a parte de baixo. Agora mesmo, não consigo lembrar de um filme sequer que tenha visto um aparelho reprodutor feminino que não tenha aparecido também de um homem (tipo lars von trier/ ken parker...). Acredito eu que o que falte à mídia em geral (para ser justo) não seja pintos, mas uma sensualidade ainda pouco explorada do corpo masculino.

      Excluir
    3. Acho que é interessante isso. Tipo, isso mostra que a nudez é vista de duas formas. A primeira é o comum a nudez como algo sexual. A segunda é nudez porque a pessoa quer ficar pelada e pessoas na verdade (wow!) são peladas.

      O homem tem o direito de ficar pelado porque ele quer, pelado artisticamente, pelado sem conotação sexual (mamilos, olá) e pelado dono do próprio corpo. Esse post aqui mostra como quando se trata de sexualidade o corpo masculino, isso não só é proibido como é caro. Mas não proibido do tipo "não mostra! é feio!", mas quase que de uma forma de proteção mesmo.

      Já a mulher praticamente não tem direito em ficar pelada em contexto que não seja sexual. A mulher ficar com os mamilos de fora é considerado um... algo tipo NOSSA TÁ SEDUZINDO TODO MUNDO, ATENTADO AO PUDOR! Mas aí se você vai sexualizar a mulher, isso pode, isso é barato, isso é gratuito.

      Então talvez o que eu diga que é diferente é porque essa polêmica funciona de forma diferente. A mulher não pode mostrar o copo sem ser um objeto sexual ou sendo dona dele. Enquanto o homem sexualizado é como se fosse... o tal pênis de ouro.

      Gostei muito disso o.õ
      Obrigada, Anônimo.

      Excluir
    4. Eu acho que deve ser uma escolha dos atores também para não se sentirem tão expostos e evitar comparações de tamanho cor rigidez escrotal flacidez e etc....

      Excluir
    5. Eu acho que deve ser uma escolha dos atores também para não se sentirem tão expostos e evitar comparações de tamanho cor rigidez escrotal flacidez e etc....

      Excluir
  5. Eu não sabia da proposta, vi ele falando que no contrato do primeiro filme não tinha nada falando, mas eu apoio (aliás, todas as fãs!) kkkkkk
    Obs: a maioria em anônimo hahah

    ResponderExcluir
  6. Isso me fez lembrar quando o Daniel Radcliffe (Harry Potter) ficou nu numa peça de teatro, foi um escândalo! Se tivesse sido uma atriz, seria tudo normal e ninguém comentaria nada... a foto dele com cavalo chegaram a falar que era montagem e que o pênis não era dele (?!) Apesar disso, muitas fãs aplaudiram !!!
    Penso que seja uma questão cultural e um tanto machista... não deveríamos ser privadas de ver o pênis deles (como o feminino é visto de todo o modo por eles)... igualdade de gêneros!!

    e acredito que não será uma surpresa, afinal há mulher que nunca viu um? Com um marido e três filhos rapazes em casa vejo diariamente, na hora dos banhos, (quatro) cuecas se despindo na minha frente... não seria nada mal ver no cinema, novela etc.

    ResponderExcluir
  7. Se uma mulher pode ficar nua o que impede um homem de faze-lo? Assim como os seios e a vagina fazem parte da anatomia feminina os peitos e o pênis também fazem parte do corpo do homem, não dá para separa-los em caso de uma nudez. Creio que o que falta é o hábito, o costume. Quando houver uma normalidade sobre este assunto tudo ficará mais fácil e simples de se aceitar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo plenamente . É um tabu essa coisa de nudez que vem desde a colônia.
      Uma coisa tão natural ao meu ver a nudez.
      Por acaso tomamos banho de roupa?

      Excluir
  8. Para mim, nudez é como algo que você deseja muito, compra e depois enjoa. Se fosse vista naturalmente, não teria tanto mimimi.

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *