Adriana Araujo Balanço de Leituras

Balanço de Leituras - Outubro

20.11.14Conversa Cult


O balanço tarda mais não falha!! Estamos de volta com as leituras do mês da equipe, dessa vez com participação da Adriana, do Diego, do Paulo, da Dana, do João e euzinha aqui, Isabelle

Confira para saber o que a gente leu :)

>>> DIEGO

Número de livros lidos: mais ou menos zero.

Como foi o mês? Eu entrei numa fase otaku esse mês e só tive olhos para mangás.

Livro que mais gostou: Dora, de Bianca Pinheiro: Produção independente da autora - que eu adoro -, tinha grandes expectativas e fui surpreendido em como uma história tão simples pôde acabar comigo no final. Muito bom. 

Livro que menos gostou: vol. unico de Hideout, de Masasumi Kakizaki:  Mexeu comigo - especialmente o final, que é perturbador. Só que muita coisa pareceu pouco fluida e forçada. O saldo final não foi bom.

Demais leituras:

vol. 1 e 2 de Berserk, de Kentaru Miura: Game of Thrones em mangá. Extremamente violento e cruel. Mas de alguma forma, fascinante.

vol. 1 a 5 de Blue Exorcist, de Kazue Kato: O melhor mangá da atualidade, na minha opinião. É um shonen classico, mas bem construído demais para não envolver.

vol. 1 a 3 de Guerreira Mágicas de Rayearth, de CLAMP: Classico é classico. Impressionante como uma obra de 3 volumes consegue mexer tanta comigo e envolver tantos temas de reflexão legais.

vol. 1 a 5 de Blood Lad, de Yuuko Kodama: Comecei meio incomodado com o machismo da história, mas isso parece estar se transformando gradualmente e agora estou super investido.

vol. 1 de Kuroko no Basket, de Tadatoshi Fujimaki: Adoro basquete e falam tão bem deste que quis tentar. O traço é meio confuso nas cenas de jogo, mas o desenvolvimento dos personagens é lindo.


>>> PAULO

Número de livros lidos: Sete, sendo duas graphic novels!

Como foi o mês? Achei ótimo. Outubro, você foi certo em todos os aspectos.

(foto só do livro porque Paulo estava desmaiado de
 um final de semana de enem e Paramore)
Livro que mais gostou: Garoto encontra garoto, do David Levithan. Geeeeente, esse foi o livro YA de romance que eu sempre quis ler. Amei, amei, amei. Por favor, leiam. É só isso que tenho a dizer. *coração*

Livro que menos gostou: Carta de amor aos mortos, da Ava Dellaira. A ideia é legal e tem uns trechos realmente bons, porém, no geral, não funcionou para mim. Soou forçado e cansativo, mas ao menos foi uma leitura dinâmica e, de certa forma, agradável.

Demais leituras: Bom de Briga, do Paul Pope. Que decepcção, hein? A Dana já tinha falado que não era tão legal, mas eu esperava bem mais. Não curti o traço e a história não empolga muito, nem sei se lerei o(s?) próximo(s?).

Dora, da Bianca Pinheiro. O enredo, somado à forma de narração e os desenhos, compõe uma graphic novel fantástica. Estou encantado com o trabalho da Bianca, especialmente porque ela consegue fazer coisas muito boas e muito diferentes, como é o caso de sua webcomic BEAR. 

Aniquilação, do Jeff VanderMeer. Surpreendente, fiquei muito mais envolvido do que poderia imaginar. A história é interessante e a narração, bastante descritiva, é ótima.

Queria ver você feliz, da Adriana Falcão. Uma linda triste história de amor contada com maestria por essa excelente escritora. Adriana Falcão escreve não-ficção como se escrevesse poesia, é sensacional.

O pequeno príncipe, do Antoine de Saint-Exupéry. Depois de cinco, seis anos, reler esse livro foi como encontrar um novo mundo. Li sob uma nova perspectiva e adorei.

>>> ISABELLE

Número de livros lidos: 11 completos, 1 não finalizado

Como foi o mês? SENSACIONAL!!!! Voltei aos velhos tempos onde eu lia feito uma louca sem parar e estou super feliz com isso. Por outro lado, meu coração foi pisado e triturado várias vezes seguidas com essas histórias, sem pausas para recuperação. Acho que sobrevivi q

Livro que mais gostou: "Ultimo Sacrifício", de Richelle Mead. Finalmente cheguei ao final da saga Academia de Vampiros e fiquei profundamente abalada. Finais felizes, finais infelizes, revelações bombásticas, surpresas e muitas tretas. Rose sofreu mais do que nunca, coitada, e acabou levando uma pá de gente com ela nesse furacão. 

É necessário muita meditação pra entender
esse livro qqq
Livro que menos gostou: "Album de Casamento", de Nora Roberts. O romance é fofinho e tudo o mais, só que a narrativa é meio precária. E eu realmente odeio quando a narração está sendo feita por um personagem e DE REPENTE ela muda pro outro, sem o menor aviso. Achei a história também não muito bem desenvolvida, sei lá. Serviu pra passar o tempo xD

Demais leituras: "O Rei", de J. R. Ward. ME DOEU PROFUNDAMENTE NÃO COLOCÁ-LO NO "LIVRO QUE MAIS GOSTOU" MAS ACREDITEM, ELE MERECE ESTAR LÁ. Ward deu prosseguimento à saga da Irmandade como nunca, recheado de tretas, romances e muito sofrimento. Essa mulher ainda me mata.

"A Elite", de Kiera Cass. SEQUÊNCIA LINDÍSSIMA DE "A SELEÇÃO" E EU SURTEI TANTO HGDFUIGHDFUIGHDIFGHFIDGHD. Torci mais do que nunca pelo Maxon e desejei mais do que nunca que Aspen tivesse uma morte dolorosa, pois ele estava entravando meu shipp. Altas situações tensas também, emossionadíssiman

"A Escolha", também da Kiera. Sim amigos, emendei um no outro. O desfecho da saga foi maravilhoso e acho que a autora sentiu que estava faltando umas mortes, porque olha....me limitarei a este comentário HGDGIDFOJGODFJGODJ

"Contos da Seleção: O Príncipe e O Guarda". Fiquei totalmente apaixonada pelo ponto de vista do Maxon com relação à seleção e a America. Uma gracinha. E não me dei ao trabalho de ler O Guarda porque Aspen q

"Promessa de Sangue", de Richelle Mead. Quarto livro da Academia de Vampiros e minha gente, quanta dor. O livro inteiro foi um tapa na cara sobre O-Que-Aconteceu-Com-O-Dimitri, e sofri o tempo inteiro junto com a Rose. Porém coisas legais aconteceram no caminho e ajudaram a acalentar o coração.

"Divergente", de Veronica Roth. Depois de ver a web surtando com a série, filme sendo lançado, milagrosamente consegui o livro e::: aprovei. Apesar de todo o sofrimento e tretas sem fim, o romance me moveu a prosseguir com a história HUDFHGUIFDHGIFDHGID

"Laços do Espírito", de Richelle Mead. Quinto e penúltimo livro da saga que pode ser resumido através da seguinte expressão:: CHOQUEI, VIADO!!!! Essa mulher não para de largar bombas em cima do leitores, DEVERIA SER PRESA COMO UMA CRIMINOSA. Não, devia não. Tem que continuar escrevendo.

"A Garota das Laranjas", de Jostein Gaarder. Achei que seria mais uma história bonita e filosófica e ignorei os avisos de que ia chorar muito. Pois bem. Chorei as cataratas do iguaçú, amigos. Sim, o livro é lindo e filosófico, mas também é terrivelmente triste. Meu coração gritou em agonia q

"Emma", de Jane Austen. O início do livro é bem normalzinho, com toda aquela coisa de sociedade antiga que tem nada pra fazer além de visitar os vizinhos e fofocar. E ENTÃO COMEÇAM AS TRETAS!!! Jane Austen como sempre arrasou na forma de retratar os humanos e suas relações e continuo achando incrível o quanto muito disso ainda persiste até hoje. DIVONA

"O Pássaro Raro", de Jostein Gaarder. Comecei a ler o fim do mês, depois de uma merecida pausa. Aguardando as próximas páginas.


>>> JOÃO


Número de livros lidos: 1 incompleto e um mooonte de HQs

Como foi o mês? Ah, foi ótimo. Teve aquela culpa básica de sempre por não ter lido muito, mas a maratona de HQs no início do mês fez tudo valer a pena.

Livro que mais gostou: Young Avengers vol. 1 (01-12). GENTE, ESSE NEGÓCIO É SENSACIONAL. Me empolgou mais que qualquer revista dos Vingadores que eu tenha lido (que não foram muitas, ok) e superou totalmente minhas expectativas. Representatividade linda. Personagens mais humanos que nunca. Dramas reais. Kate Bishop!!! Só... LEIAM.

Livro que menos gostou: Acho que os volumes finais de Battle of the Atom (06-10). É daquelas histórias completamente sem noção que parece estar lá só por conveniência pra editora. Mas, apesar do final extremamente sem noção, foi uma leitura divertida. E as consequências são de cair forninhos. 

Por alguma razão, Isabelle está rindo desta foto
*João invade*: Não ria do meu amor pela Kate qq
Demais leituras: O único livro que eu comecei esse mês foi Cemitérios de Dragões, do Raphael Draccon, que tive que parar por causa da faculdade. Não quero me precipitar, mas parece beeem legal. Volto com ele lido + resenha até o fim do mês. Agora, as HQs...

Li mais alguns volumes de All-New X-Men (06 - 21) e continuou bom como sempre. Mas a história caiu um pouco em qualidade, parecia meio sem rumo às vezes e o último volume introduz uma personagem que não me agradou em NADA.

5 primeiros volumes de Sensation Comics Featuring Wonder Woman. Triste dizer, mas nenhum prestou de verdade até agora (mas o último é legalzinho!).

Me atualizei com a revista da Mulher Maravilha! Só falta a última edição dessa fase Azzarello / Chiang pra terminar. Incrível como sempre, e uma lição feminista incrível perto do final. Vai deixar saudades ):

Também me atualizei com Superman/Wonder Woman. Tá uma merda. ODEIO quando essas mega sagas interferem na cronologia normal das revistas. Odeio. 


Acho que é só (ufa!). E acho que já despejei ódio pros balanços do ano inteiro nesse aqui :B

>>> ADRIANA

Número de livros lidos: 3 completos

Como foi o mês? Bom! Só de conseguir manter as leituras em dia, mesmo que em pequeno número, foi muito satisfatório. 

Livro que mais gostou: "perdida" (com inicial minúscula mesmo q), de Carina Rissi. MELHOR ROMANCE DA VIDA. Não sou muito de romances, mas o de Ian e Sofia me pegou de jeito e me também me deixou apaixonada. Em breve resenha. 

Livro que menos gostou: "Como Falar com um Viúvo", de Jonathan Tropper. O livro é legal, mas não me comoveu como achei que o faria, nem me fez ficar torcendo pelo personagem. Foi bom pra passar o tempo e só.

Demais leituras: "Princesa, A História Real da Vida das Mulheres por trás de seus Negros Véus", de Jean P. Sasson. Acho que o título diz tudo. O livro conta a história real de uma mulher na Arábia Saudita. Triste, com passagens realmente dolorosas, me fez refletir muito sobre o lugar da mulher na sociedade, e que apesar de estarmos muito longe de uma situação boa, as mulheres ocidentais são mais "livres", por assim dizer. Um bom livro pra pensar.


>>> DANA

Não terminei de ler nada. :( 

Comecei a ler Americanah da Chimamanda Ngozi Adichie e ainda to lendo. Em compensação, descobri Carmilla.


--------------------------------------------
Pode falar, o que você leu em outubro? Estamos curiosos pra saber!

Confira aqui nossas outras leituras. 

TAGS: , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

5 comentários

  1. Isabelle, suas leituras foram as minhas tirando uma ou outras, então me limitarei a dizer que seus surtos foram justificados...Outubro foi o mês do " AI MEU DEUS DO CÉU ESSES ROMANCES ACABAM COMIGO, QUERO MORRER, SENHOR, SENHOR SENHOR...CORAÇÕES NOS OLHOS ETERNAMENTE.

    Ps: Eu gosto do Aspen, tadinho dele.
    Ps²: Esse mês chega A garota das laranjas...ehhhhhhhhhhhhh
    Ps³: Vc precisa ler Insurgente para ontemmmmmmmmmmmmmmmmmm.

    ResponderExcluir
  2. Perplexo com Isabelle maratonando Vampire Academy e A Seleção o.o

    ResponderExcluir
  3. Americanah é incrivel \0/
    Chimamanda Adichie mandou muito bem!
    =)

    ResponderExcluir
  4. Olá gente, achei o máximo esse post e tudo neste blog. Não li um livro inteiro este mês... mas vou me animar e motivar para dezembro compartilhar algo !

    Até mais !!

    ResponderExcluir
  5. Ah.. esqueci de comentar duas coisas... tenho um amigo chamado MAXON, achei legal saber que o persona principal de Seleção tem esse nome..

    Isabelle, você tem curso de leitura? como faz para ler tanto assim? me conta !!!

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *