clube de escrita Dana Martins

Clube de Escrita: Preparação de última hora para o NaNoWriMo

31.10.14Conversa Cult


"Tudo que eu sei é que nada sei"

Se você não sabe o que é NaNoWriMo clique aqui. Esse é o meu lema no momento. Não sei nem por que eu to escrevendo isso aqui, mas quis escrever sobre o que eu fiz até agora de preparação de NaNoWriMo (nada?) e compartilhar com vocês. Então aqui está como eu escolhi a minha história, o que eu fiz de preparação, curiosidades e algo para pensar enquanto estiver escrevendo as suas 50 mil palavras.


1- Escolher a história

Se você já escolheu a sua história, vai para o próximo Se ainda está na dúvida: Eu escrevi um texto longo sobre isso que valia um post só e ainda não sei o que fazer com ele, então joguei aqui no meu site lixeira. Enquanto isso, resumidamente: 1) Escolhi a história que mais me anima no momento; 2) Que eu sinto que tem o bastante pra explorar em 50 mil palavras; 3) Que é confortável pra mim no momento com as outras coisas da vida, "uma que não vai me obrigar a mudar de universo completamente toda vez que eu escrever"; 4) Que vai me dar mais experiência para as outras que eu quero escrever. 



Também tem um um 5, que não é algo que me fez escolher, mas é um lembrete de que a história não precisa ser o livro-perfeito-obra-da-sua-vida. Principalmente porque é só o primeiro rascunho que você vai escrever. "Quebre as barreiras do seu mundinho idealizado de como a história perfeita deve ser", se divirta escrevendo e explorando as suas ideias.

Lembrando que nada disso é regra, você escolhe o que bem entender e como quiser. Isso sou eu compartilhando as coisas que me levaram a escrever a história nesse NaNoWriMo. 

2- Agora... o que eu quero contar com essa história?

Curiosamente, essa foi a história que eu consegui definir mais rápido. Normalmente eu escrevo parágrafos e parágrafos tentando explicar pra mim mesma o que diabos eu quero contar até chegar em uma definição. Quanto mais resumidamente você definir, melhor. Eu comecei a seguir isso depois de ler sobre o método snowflake (curiosidade: nunca saí dessa etapa inicial, mas ela me ajudou horrores). O diferencial de saber o que você quer falar é que dificulta você se perder. Escrever é tipo sair pra viajar, imagina sair sem saber para onde ir. Você pode encontrar grandes aventuras, mas pode terminar em uma vala perguntando o que você fez com a vida. Em caso de emergência: lembre da sua direção.



3- Parar pra pensar na sua história: Pesquisas, pontos principais, sei lá mais o que...

Isso é algo que eu não fiz e estou com uma preguiça tremenda de fazer. Parar pra pensar na história. É, tipo, "o que eu vou fazer nisso aqui? o que vai acontecer?" Eu gosto de definir pelo menos alguns pontos principais. Sabe, em caso de eu parar em uma vala e não souber pra onde ir, então é só olhar o próximo ponto e pensar: Como eu saio daqui e paro ali? A gente não conta "parar pra pensar" como parte do processo de escrita, mas é. Às vezes a gente não escreve só porque não parou pra pensar em como lidar com a história.

4- Como eu escrevi 50 mil palavras

Depois é só esperar dia 1 chegar e escrever. Mas aqui um detalhe: Minha meta nunca é 50 mil palavras, é 1700 por dia. Eu escrevo um dia de cada vez. Se eu escrever 3 mil palavras hoje, eu não estou completando dois dias, eu estou completando um dia só. Amanhã minha meta é novamente 1700. Se eu escrever só 1000 palavras em um dia, no entanto, amanhã eu vou completar as 700 desse dia e mais as 1700 do outro. Mas tem que acontecer algo MUITO louco para eu ir dormir sem terminar minhas 1700 palavras. Eu tenho o ano todo para não escrever, em novembro eu vou me esforçar pra completar essas malditas palavras.
(isso parece idiota, mas eu vejo muita gente se perder porque senta pra escrever 50 mil palavras de uma vez só e está constantemente com a sensação de que está atrasado)



Esse vai ser o 7º NaNoWriMo seguido que eu vou completar 50 mil palavras (contando os Camp NaNoWriMos de cada ano). Às vezes fica meio tedioso, porque eu já até descobri que posso escrever tudo em 12 dias. Até menos se eu me planejar melhor. Mas a cada vez é uma experiência diferente. Dessa vez os meus planos: irei escrever 50 mil palavras e depois vou editar até a história ficar pronta. É, até agora eu só tinha feito isso com contos menores (alguns NaNos eu escrevi vários contos). Então essa vai ser a minha maior história de NaNo escrita e finalizada. O que você quer nesse NaNo?

5- Informações para sambar no NaNoWriMo

Durante novembro aos domingos eu venho aqui para fingir que eu tenho coisas sérias pra falar enquanto deveria estar cumprindo minha meta diária, então me aguardem! No desespero, lembrem que temos um mooonte de textos no Clube de Escrita escrito por pessoas sofrendo tentando terminar histórias. Também tem o Clube de Escrita no facebook para sofrermos em grupo. E se cadastre na Hora de Conversa para receber textos exclusivos de NaNoWriMo, o primeiro enviarei em breve. Eu, Dana, estarei surtando no meu twitter @danagrint.

Se você sabe inglês, lembre de visitar os canais oficiais do NaNoWriMo! Aqui uma pep talk para você entrar no clima 


Tenha um bom NaNoWriMo! 
Espero que você escreva muito lixo em todos os dias.

TAGS: , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *