CCSéries Dana Martins

Killing Eve

18.7.18Dana Martins


Pra não dizer que eu virei um bicho preguiça e só assisto séries do Netflix, hoje vamos falar de Killing Eve. Pra começo de conversa, essa série nem parece uma série, parece um filme - pela forma como é produzida, pela história, pelas atrizes. Eu sinceramente não esperava que fosse ser tão bom.

Killing Eve é a história de uma detetive, Eve, e uma assassina psicopata, Villanelle. É um jogo de gato e rato. Villanelle trabalha para uma organização secreta cometendo assassinatos ao redor do mundo, Eve é uma... policial? Eu não tenho certeza, ela trabalhava para um serviço secreto mas ao longo da série a gente só vê a vida dela cair aos pedaços, a única coisa que não muda é que: Eve tem uma curiosidade (obsessão?) por mulheres seriais killers e um instinto feroz no que se trata desses assassinatos aparentemente desconexos ao redor do mundo. Ela talvez seja a única pessoa capaz de encontrar Villanelle.

Tudo isso com uma coisa que você definitivamente não espera sobre esse tipo de série: mulheres protagonistas. Brincadeira. Isso também, mas na verdade é o senso de humor. Killing Eve obviamente não é comédia, mas sabe ser leve e ter comédia nas horas certas. 

Pra descrever como eu me senti depois de assistir a série eu sempre penso em uma cena que a Eve surta e quebra tudo. É um enorme aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah e a vontade de jogar tudo pra o alto. Por que? Porque eu nem sei direito. Tinha momentos que eu tava literalmente na ponta da cadeira com as mãos na cabeça pensando "ai meu deus socorro." Eu torço pela Villanelle, contra a Villanelle, grito com as coisas bizarras. É um caos. Eu adorei.

E as atrizes - Sandra Oh fazendo a Eve, e não sei o nome da garota que faz a Villanelle - são muito boas. As personagens delas também. É um banho na alma ver uma personagem mulher como a Eve. Eu adoro como apresentam a personagem como um pouco estabanada, até desleixada. Ela também não é a apresentada como a Mulher Forte™ ou diva poderosa pra ser mostrada como boa no que faz. E a outra atriz se eu vejo na rua acho que até corro.

Não tenho muito mais o que falar, só que foi bom assistir, que me peguei com saudade mesmo depois que terminou. É uma série curtinha de 8 episódios, se você tá no clima de investigação e quer algo bom, Killing Eve é uma ótima escolha. 

TAGS: , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

1 comentários

  1. Adorei a crítica! ;-)
    Tô louca para ver a série. E as duas indicações ao Emmy foram as cerejas do bolo.
    Beijos

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM