CCdiário CCdiscussão

Professores também precisam estudar

29.5.18João Paulo Albuquerque


Há um tempo atrás (ano passado) vivenciei um episódio de transfobia vindo da minha professora de português e fiquei pensando muito em como os professores (principalmente do Ensino Médio) adoram falar merda. Antes de tudo, vamos passear pela minha lembrança das bostas que a mulher disse.

Do nada, mesmo, a professora pergunta quem estava vendo a novela "A Força do Querer". Algumas pessoas levantam a mão e ela continua, perguntando o que a gente achava. E daí ela perguntou se alguém achava aquilo perigoso, afinal, hormonio é perigoso... E eu não fiquei quieto, por sinal, não ficaria mesmo, "Perigoso? Desculpa, mas não é."Ela me olhou, quase como se me subestimasse e AH MULEQUE ISSO ME SUBIU O SANGUE AINDA MAIS (meu coração bomba que nem louco quando alguém fala merda e eu vou retrucar) "Então você achar certo?" e eu: "Não tenho que achar certo ou errado, mas errado não é.  É quem a pessoa é e devemos respeitar isso.", ela tentou mais uma vez e eu "Anabolizante e hormonio são coisas diferentes.". E ela desistiu, mas quando bateu o sinal pra ir embora eu fui - junto dos amigos - atrás da mulher (não desisto fácil, não). "O problema, professora, é que as pessoas não pesquisam e tentam falar de coisas que não sabem, e nisso acabam reproduzindo sua ignorância e costumam usar a desculpa da saúde.", e minha amiga: "Eu tenho um amigo que passou por muitos problemas pra conseguir se aceitar e contar pra família, ele quer tomar hormônios e isso não é um problema.", a professora engoliu em seco, um pouco irritadiça, e após tentar rebater, a gente sempre mostrando a ignorância da mulher, ela desistiu: "nos vemos amanhã, vocês tem que ir pra casa. Até" :D

Vou mentir não, eu amei ter rebatido e persistir mesmo quando ela se mantinha contra nós e agindo como se nós não soubéssemos do que estávamos falando. Adoro ir desarmando a pessoa, provando que o argumento do ser é inválido.


Por que contei a história em si? Porque eu sei que muitos vão se identificar com a história, sei que muita gente já passou por isso dentro de sala de aula, muitas vezes até não se levantaram e responderam o professor. E eu entendo, não culpo nem julgo, não é fácil se levantar e dizer na cara do professor que ele está errado, até porque sabemos que existem professores que são vingativos.

E eu acho que o que mais me deixa chateado é ver que muitos professores, que são formadores de opinião, são desinformados e ainda acham que estão sempre certos.

Mais recentemente eu tive que aguentar professor de filosofia (sim, filosofia) falando abobrinha machista e tentando deslegitimar homofobia, além de ser homofóbico e expor alunos.

Muitos professores se acham os donos da razão e que são os portadores d'A Verdade. Deixa eu contar uma coisa pra todo o mundo: eles não são. Eles podem aprender com a gente. E não podem só aprender com a gente, como eles podem aprender a pesquisar mais, por serem formadores de opinião, por serem educadores, deveriam estudar mais além do tema de aula deles, estudar sobre pessoas. Nem que seja pedir informações pra um aluno que você vê que entende sobre os assuntos de minorias. Aprender com o aluno não mata ninguém.

TAGS: , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM