amizade amizade tóxica

O que seria ser tóxico?

30.3.18João Paulo Albuquerque


Janeiro realmente foi um mês memorável, cheio de intriga e de coisas que vou lembrar daqui alguns anos, maaas também tiveram coisas que me fizeram realmente ter pena da humanidade, uma delas é a pessoa qual eu me referi (potencial romance tóxico da minha "ex-amiga") nesse texto sobre amizade tóxica que me enviou uma mensagem bem doce (note a ironia).

Edição realizada para não expor número.

E como uma amiga minha disse:

Aceitar e passar para a próxima

O que eu achei mais engraçado dessa história toda é que ela ainda acha que chamar alguém de "desprezível", "nojento", "mimado" e "egocêntrico" não é tóxico... até porque, é um mar de rosas mesmo, não é? ODKSODKSODKOSKD

E mais, onde que eu fui mimado e egocêntrico? (Não vou sequer falar das outras palavras) Não fui eu que botei os outros pra baixo de propósito, às vezes só pra me sentir bem, não fui eu quem ficou de enrolação com uma pessoa só de brincadeira com sentimentos muito menos fui eu quem fiz uma pessoa ficar mal e não me importar e ainda ter a cara de pau pra atacar uma pessoa que fez um texto citando uma situação que sequer foi citado nomes e se ofendeu porque a carapuça serviu.

Eu realmente pensei em ficar quieto e não responder, tanto que só ri, afinal é muita ironia, mas decidi que isso valia se tornar um post. Então vamos falar sobre o que é ser tóxico?

SIM CAPITÃO

Vários estudos mostram que existem 10 maneiras de ser uma pessoa tóxica. 10 maneiras de ser tóxico, ce tem noção?! Então vamos falar disso e ver se (vou analisar nos meus casos de amizade tóxica, mas pense nos seus, caso se lembre de algo) onde identifico minha situação.

Basicamente são (o link vai estar aqui pra quem quiser ver o significado): pessoas julgadoras, fofoqueiras (não no sentido de fofoca de vez em quando), sem caráter, gananciosas, negativas, mentirosas, invejosas, vítimas, arrogantes e/ou controladoras.

Isso tudo desbota os sentimentos, faz a amizade ir implodindo e muitas vezes a gente não percebe. O fato não é "ah, uma vez eu fiquei com inveja de um amigo" que te torna um tóxico, até porque algumas coisas podem ocorrer vez ou outra, mas isso acontecer com uma frequência quase rotineira e se tornando "comum" é um problema, é se tornar tóxico. Se alguém tentar te controlar (e existem milhares de modos de controle: chantagem ~emocional, moral etc.~, tentar controlar alguém pela dor emocional que está sofrendo, jogando a culpa em você de algo que nem é, usando seus sentimentos românticos...) e ser negativa (às vezes pode se fazer de vítima) costumam ser sinais mais comuns em relacionamentos tóxicos e por vezes abusivos.


No meu caso, as amizades tóxicas foram (no geral) em inveja, arrogância, negativa e às vezes vítima. No caso do relacionamento da minha "ex-amiga" foi relação tóxica de inveja, mentira, vítima, arrogância, controle e ganância.

Uma amizade (ou relação) saudável talvez seja mais fácil de explicar do que uma relação tóxica. É saudável a pessoa respeitar seu espaço quando você não quiser estar com alguém, é saudável alguém respeitar quando não quer fazer algo, é também alguém saber guardar segredos e saber dialogar e ouvir, assume as responsabilidades, pede desculpas, busca a mudança diante do erro, lembra que a outra pessoa tem outros amigos, não fica na cobrança, celebra vitórias e incentiva o bom humor.

É muito simples.


TAGS: , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM