amizade amizade tóxica

Sobre amizade tóxica...

30.10.17João Paulo Albuquerque


Estou pra escrever esse texto tem um tempo, pensei bastante em como abordar e tratar do assunto porque é algo sério, e que acontece com uma frequência assustadora.

Antes de tudo, eis uma definição do que é uma amizade tóxica (em perguntas para você ver se está num relacionamento tóxico): Seu amigo consome suas energias, de forma óbvia ou sutil, ao invés de ser combustível para seu crescimento? Ele age com egoísmo? Ele só quer falar de si, dos próprios problemas e alegrias? Ele é negativo, e quando sai de perto de você deixa uma energia pesada e triste no ambiente? Aquele que você considera amigo faz tudo para colocá-lo para baixo, criticando-o e depreciando-o? Ele é alguém que tem o hábito de culpar os outros por seus problemas? É uma pessoa que não aceita ouvir um “não” como resposta? Ele mente para os outros? Ele gosta de fazer fofocas? É alguém que não lhe permite se expressar, sempre interrompendo suas ideias e palavras? Se a maioria das respostas for sim, então tu já sabe.

Eu só fui perceber que estava numa amizade tóxica esse ano, através de mil e um acontecimentos entre eu e ela ao mesmo tempo (só vou citar os mais marcantes).

Basicamente eu quando me dei conta OKADOSKDOS
Porém, ao contrário do que indicam (que é se afastar da pessoa), eu me afastei somente para pensar sobre o que estava acontecendo. Mas tudo explodiu com briga no grupo onde eu e ela nos falávamos. E isso aconteceu por conta de um relacionamento tóxico que ela viveu, cujo a pessoa voltou pra vida dela e eu deixei claro que eu não gostava desse ser. 

Essa pessoa e ela viveram uma relação de amizade/sentimentos amorosos tóxicos. E após ela voltar a falar com essa pessoa (pela milionésima vez), teve essa vez que desencadeou nossa briga (uma das últimas vezes). Porque eu não gosto dessa pessoa por tudo de ruim que fez minha amiga passar, mas falei, "quem toma suas decisões são você, e que amigo seria eu se fizesse você escolher?", mas falei para que a gente evitasse de falar dessa pessoa entre nós, para não ter divergências.

E como a briga foi sobre essa pessoa, fiz um trato (não falaríamos mais do ser que a fez passar por um bando de coisas ruins, ou melhor, ela não falaria sobre nada envolvendo essa garota). Ele foi quebrado duas ou três vezes. Tivemos mais uma briga e dessa vez foi explicado o porquê de eu não gostar de falar daquela pessoa e pedir pra minha amiga não falar sobre isso, só gerava problema entre nós.

O trato foi mantido e ficamos sem nos falar no privado por algumas semanas, somente por grupos, com o pessoal todo. Isso foi bom, porque eu pude ver o que me incomodava e melhorar minha saúde mental, e ela teve o tempo que precisava para pensar e melhorar.


Normalmente falam pra gente se afastar, mas eu fiz o contrário e sei que já teve gente que também fez o contrário. Porque não adianta eu te dizer para se afastar e nunca mais falar com a pessoa, sendo que isso seria hipocrisia, faz parte do ser humano tentar corrigir e correr atrás. Eu uso como frase marcante "Ajude, mas ajude caso não prejudique sua saúde mental". E claro, se a pessoa quiser melhorar. Spoiler Alert: ela não melhorou. As coisas ficaram mais complicadas, a gente parou de se falar por um tempo, começamos a alfinetar um ao outro...

Dessa vez parecia que não ia pra frente. Ela deu o passo inicial e a gente "terminou" numa boa, sem brigas, sem desentendimentos, só conversamos e topamos seguir em frente. O amor existiu, mas a amizade não existe mais foi uma das coisas ditas na conversa que realmente descreveu toda a situação.

Mas somente teve uma coisa dita na conversa que eu discordo (e não sei se você vai ler isso, ou não, mas isso serve pra todo mundo): Para mim, se tem que tentar fazer dar certo, é porque já não funciona mais.

Eu creio que amizade tem picos (deixando de lado o lance de tóxico por um segundo), e em qualquer relacionamento há os momentos de "tentar fazer dar certo", porque nem sempre vai estar tudo fácil e nas mil maravilhas, e que quem quer, faz dar certo. A diferença é que a nossa amizade já tinha acabado, e o véu de "tá tudo bem" ter caído me fazendo notar que a gente estava nesse ciclo de amizade tóxica, sem saída, só iria fazer mais mal ainda.

Então vou te dar um conselho (sim, você que está do outro lado lendo), se perceber que está num relacionamento tóxico, sai disso. Segunda chance só vai fazer vocês passarem mais mal ainda, só vai te afundar. Não faz bem.

Não me entenda mal, eu realmente amei ela e foi uma das amizades mais importantes pra mim daquela época, e de vez em quando me pego sentindo falta (não digo dela, mas dos momentos bons que vivemos), mas não vale a pena manter algo ruim.

TAGS: , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

1 comentários

  1. Oi.
    Sim, eu li. Eu continuo acompanhando o blog, anyway, sua amizade foi muito importante também e desculpe por todos os momentos difíceis que te fiz passar... Acabou que acabar nossa amizade foi sim o melhor caminho a se seguir. Se faz alguma diferença, após muito tempo estou finalmente "quase bem" e espero que você também esteja. Passei por um momento muito escuro da minha vida, tipo, R E A L M E N T E. Não sei se nossos amigos em comum te contaram, espero que não, pois não importa. Obrigada por tudo, e espero que 1 - vc não volte a passar pela situação tóxica que te coloquei, e 2 - estou tentando fazer com que a história não se repita. Abraço!
    - Isa

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM