Carol Cardozo CCFilmes

CCCrítica: Com Amor, Simon

21.3.18Conversa Cult



"Todo mundo merece uma grande história de amor. Mas para Simon Spier, de dezessete anos, é um pouco mais complicado: ele ainda não contou para a sua família ou amigos que é gay, e não faz ideia de qual seja a identidade do seu colega anônimo que divide o mesmo segredo. Resolver as duas questões se mostra divertido, aterrorizante e uma mudança de vida definitiva."

Eu quero começar essa crítica com: YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEESSSSSSSSSSSSSSSSS





É isso, gente. Um romancezinho gostosinho lgbt sem morte, sem expulsão de casa, sem incompreensão das pessoas. Um romancezinho com treta só de romancezinho. Irmão, tu não tem ideia do quanto eu saí feliz da sessão.

No último dia 7, a Fox Filmes, juntamente com o site Adoro Cinema e a editora Intrínseca, fizeram uma pré-estreia especial do filme "Com Amor, Simon", aqui no Rio de Janeiro. Eu ganhei um par de ingressos e fui (milagrosamente conseguindo trocar o horário do trabalho, senão ia perder).





O filme começa mostrando a rotina do dia de Simon, o café da manhã com a família, pegar os amigos de carro pra ir pra escola, o encontro com o diretor ~enturmado com os jovens~ quando chega a escola, tudo isso acompanhado de um monólogo interno do jovem. Logo no início ele nos conta seu maior segredo: ele é gay, mas ainda não conseguiu assumir para sua família e nenhum dos seus amigos.




Num blog dos estudantes da escola, sai um texto de outro jovem na mesma situação que Simon: gay, ainda não tem coragem de sair do armário e se sente meio solitário por isso. Então Simon manda mensagem pro email que enviou o texto, e começa a se comunicar com o outro carinha, que usa o pseudônimo Blue.

Durante o filme você (junto com o Simon) fica ansioso querendo descobrir quem é o Blue. Conforme as suspeitas do Simon vão mudando, a voz que lê os emails do Blue mudam junto. No início eu fiquei HMMMMM A VOZ É DO FULANO HEHEHEHEH mas aí mudou de novo e mudou de novo e mudou de novo e eu já tava desesperada tentando saber quem é e percebi que isso não ia adiantar muito HAHAHAHHAHAHAHAHA

Eu amei o grupo de amigos do Simon, aliás, amei o cast como um todo, achei que todos tiveram uma química muito legal. A trilha sonora é INCRÍVEL, aliás, o quarto do Simon tinham tantos posteres de bandas que eu gostava, eu apertava o braço do meu namorado sussurrando "a banda x", "a banda y", "Hamilton!!".



Bônus para: meu Wally West fofinho do Arrowverse tá lá <3



Pra finalizar, essa gif representa tudo o que eu acho do filme:

"Como você descreveria (o filme) em três palavras?" "Necessário e importante"

***
Nota:

Ri demais, cantei junto, chorei, bati palma no final, certamente deve ser um dos meus filmes preferidos do ano.

Informações do fime


 "Love, Simon" (2017)
 - Direção: Greg Berlanti
- Elenco: Nick Robinson, Jorge Lendeborg Jr., Katherine Langford, Alexandra Shipp
- Romance - 109 min
- Lançamento nos cinemas brasileiros: 22 de março de 2018


TAGS: , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM