ansiedade CCLivros

Razões Para Continuar Vivo, de Matt Haig - também conhecido como o livro que salvou a minha vida

8.12.17Elilyan Andrade



Literalmente. 

Não, não estou brincando. Se você não percebeu faz um bom tempo que não apareço por aqui. Não estava bem, física e mentalmente, o suficiente para compartilhar pensamentos e sentimentos com ninguém, então dei um tempo aqui do CC. Na verdade dei um tempo de muitas outras coisas na minha vida. Dei um tempo até da própria vida. Ainda não estou bem, mas como Matt Haig, autor de “Razões Para Continuar Vivo” (Intrínseca, 2017), continuo tentando.

“Razões Para Continuar Vivo” é um livro de memória/autoajuda extremamente inspirador. No livro o autor relata como ele sobreviveu a depressão e reaprendeu a viver. Sem eufemismo faz um relato bastante honesto sobre as dores e o desespero que passa por alguém que tem depressão. Talvez por justamente estar vivenciando aquilo que Haig passou pude absorver bastante do que li e me reconhecer em algumas passagens do livro.

O cérebro faz parte do corpo e devemos enxergá-lo dessa forma. Depressão e ansiedade têm muitos sintomas abaixo do pescoço, assim como muitas doenças físicas provocam efeitos psicológicos. Precisamos falar sobre saúde mental exatamente da mesma forma que falamos sobre a saúde física. Ninguém é cem por cento saudável física e psicologicamente. - pag.80



Matt Haig possui uma narrativa poética, mas ao mesmo tempo bastante clara. Em alguns momentos ele utiliza-se de metáforas para descrever suas experiências, mas não se perde em devaneios, o que torna a leitura bastante agradável, mesmo se tratando de temas espinhosos como suicídio, TOC, ansiedade, síndrome do pânico e claro, a temível depressão. 

Enquanto a gravidade de sua condição nunca está em dúvida, um humor irônico permeia a escrita de Haig: listas como a intitulada “Coisas ditas aos depressivos, mas não em outras situações de risco de vida” e “As coisas que a depressão nos diz”; além dos momentos de conversa entre o “Eu de Então” e o “Eu de Agora” dão uma leveza ao texto. Em determinados momentos cheguei até a rir lendo Reasons to Stay Alive.

Já sabemos certas coisas, mas muitas outras não. Talvez essa falta de uma verdadeira compreensão explique por que as questões de saúde mental ainda são estigmatizadas. Onde há mistério, há medo. - pag. 180


Apesar de o livro ter literalmente me impedido de acabar com a minha vida (há um ano fui diagnosticada com hérnia de disco - duas na cervical e duas na lombar -, depressão e transtorno de ansiedade e a cada dia é uma luta, então resolvi por fim a tudo no dia 3 de julho de 2017, mas eis que cheguei a ler página 112 do Matt e decide não por fim a minha vida) ele não deve ser tomado como um evangelho para aqueles com depressão. O que ajudou o Matt a superar a depressão e ansiedade, pode não funcionar para outros (por exemplo, o autor trata brevemente sobre medicação e nem a considera, mas no meu caso medicação anda ajudando bastante). 

Parabéns a editora Intrínseca por ter publicado uma obra que desestigmatizar uma doença comum a muitos de nós. A editora fez um excelente trabalho de diagramação e edição. Além disso, a escolha de encadernar o livro em capa dura foi bastante acertada (carreguei para tudo que é lugar, ou seja, se fosse brochura o coitado já estaria destroçado).



“Razões Para Continuar Vivo” é, em última instância, uma celebração triunfante da vida, de sair da escuridão e reaprender a ter prazer e alegria. É uma linda história de amor. 

Seja corajoso. Seja forte. Respire e vá em frente. Mais tarde, será grato a si mesmo. - pag.227

Ficha Técnica:


- Autor: Matt Haig
- Editora: Intrínseca
- À venda: Livraria Cultura, Amazon   


Se você tem algum familiar ou passa por uma situação delicada não fique em silêncio. Falar é importante. Peça ajuda, fale com alguém, procure um profissional. O Centro de Valorização da Vida (CVV) é uma instituição séria que oferece auxílio gratuito a quem precisa desabafar.Com 70 postos de atendimento em todo país, os voluntários se colocam à disposição para ouvir sem julgar ou dar sermão.

Acesse o site: cvv.org.br ou disque 141.

TAGS: , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM