CCEscrita clube de escrita

Clube de Escrita: como foi ter completado o desafio do NaNoWriMo

17.12.17João Paulo Albuquerque


Faltando uma semana pra terminar NaNoWriMo eu havia entrado em um bloqueio, sendo que me faltavam 10k pra completar, como lidar?


Não lidei, apertei o botão do foda-se e fui tentar reler, também não consegui e nem queria editar. Então fui rever onde eu tinha parado e constatei que tinha que terminar só quatro capítulos, que eram o da temporada anterior, porque eu já tinha terminado a terceira temporada e continuação spin-off. Então tentei focar no "o que importa é que eu terminar a história, mas eu tenho sete dias e preciso de 3k de palavras por dia pra terminar com 50k". O desespero tentava bater, mas eu ia tacando o foda-se porque Novembro é um mês sobrecarregado para um senhor caralho (escola explodindo de trabalho, qualquer possibilidade de ser reprovado sendo extinguida junto do nosso tempo e o nervosismo explodindo em caspa e quase-crises, além dos outros problemas como cursos sendo finalizados, ou seja, mais trabalho).

Fiquei três dias sem escrever. Depois escrevi, escrevi, mais um dia sem, e no último dia, escrevi o resto. Terminei com mais ou menos 45k de palavras, fiquei feliz porque tentei me lembrar que o objetivo principal do nano não são as 50k, mas sim terminar a história. E eu havia conseguido! Claro que no registro de palavras conta que tá com 75k porque eu já tinha copiado e colado tudo, e como estava com preguiça de copiar só 7k, colei de novo e deu 75k e falei "foda-se, o que importa é que terminei e venci o desse ano, CHUPA MUNDO!". Por que sinceramente? No final eu já não acreditava mais em mim, então ter conseguido, logo no último dia, foi uma conquista fodástica e que eu precisava.

O que importa é: fiquei feliz de saber que eu concluí algo e que assim que eu tiver tinta vou imprimir o certificado :')

Pode não ter sido os 50k, mas o objetivo do NaNo não é esse. O objetivo é finalizar sua história e para mim, isso é o importante, eu consegui o fogo e o que precisava para terminar, o que eu achei que não conseguiria por tantos bloqueios. Pode ter dado muita merda no caminho e vontade de mandar todo mundo pro inferno, de desistir da história, de tacar o foda-se pra tudo, mas eu persisti e consegui. Então, estou orgulho de mim de um jeito de jamais havia vivenciado, uma nova maneira.


TAGS: , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM