camp nanowrimo clube de escrita

Clube de escrita: VENCI O CAMP NANO

30.7.17Isabelle Fernandes


Eu acho incrível que a Lei de Murphy ela nunca, MAS NUNCA, falha. A máxima "tudo o que pode dar errado vai dar" se aplicou como nunca na minha vida durante essas últimas semanas de camp nano, PORÉM EU VENCI.

EU RI NA CARA DE MURPHY E 

CHEGUEI ÀS DEZ MIL PALAVRAS!!! SOU OFICIALMENTE UMA CAMP NANO WINNER!!!!



O caminho, porém, foi árduo.

Lá no meu primeiro post do mês eu disse que tava difícil de engrenar no início e que conseguia bater a meta e até ultrapassar às vezes, e isso foi mudando com o passar dos dias. Primeiro eu notei que essa dificuldade era maior no ponto de vista de um personagem, enquanto que no outro a coisa fluía horrores, o que me fez parar pra pensar e entender o que tava acontecendo. De toda forma eu seguia escrevendo todos os dias, aproveitando cada horário livre e me obrigando mesmo quando não tava afim até que chegou num ponto em que o engrenar era super rápido e eu mal procrastinava. Era produção pura, linda e quase sempre satisfatória. O PARAÍSO.


Foi aí que a lei de murphy começou a entrar em ação e as coisas começaram a se complicar. Eu torci o pé no fim do mês passado e tive que começar fisioterapia pelo menos 3 vezes por dia....sendo que ainda tinha treino de taekwondo, psicóloga, as aulas dos dois cursos....tudo isso em cantos diferentes da cidade. E claro, meu orientador mandou eu refazer o projeto da monografia que eu tinha feito desesperadamente na última semana de junho justamente pra ficar livre pro camp nano esse mês. E claro, no segundo final de semana tive uma CRISE DE ANSIEDADE MONSTRUOSA e passei mal a semana inteira. Acabou que eu nem escrevi pro clube de escrita nos últimos dois domingos tanto por estar passando mal quanto por não estar em casa, mas ainda assim em alguns dias eu consegui parar e escrever, nem que fosse só um pouquinho.

Admito que estou orgulhosíssima de mim por isso HAHAHAHHHAA.

Devo dizer que a meta que eu escolhi também ajudou e muito. Nos dias em que eu tava mais desanimada eu olhava pro que eu precisava escrever naquele dia e pra previsão de término que pulava pra agosto e pensava "Ô CARALHO EU VOU TERMINAR ESSE MÊS SIM VAMBORA". Muitas vezes eu escrevia um parágrafo, parava pra ver quantas palavras tinha e fazia as contas HAHAHAHAHAHAHA isso pode parecer meio ruim, mas tava me deixando super motivada e é isso o que importa.

ENTÃO EIS QUE CHEGA O DIA 24 e eu estava determinada a vencer o camp naquela segunda. Faltavam míseras 1,300 palavras e como ao longo das semanas eu ia escrevendo cada vez mais e com cada vez mais facilidade, sabia que se eu me organizasse e separasse um tempo pra isso ia conseguir. Foi o que eu fiz, tava tudo certinho....aconteceram coisas idiotas, entrei numa BAD FODIDA e perdi o dia inteiro praticamente nisso. Daí respirei fundo, me acalmei e fui escrever tendo em mente o que já virou praticamente um mantra esse mês: "nem que seja só umas 100 palavras". Pois bem, parei depois de um tempo e fui ver a quantas tava:


Não sei por que eu me fixei totalmente 79 e pensei CARALHO FALTA SÓ ISSO daí desandei a escrever furiosamente HAHHAHAHAHAHAHAHAH. Só fui perceber que era a quantidade POR DIA até o fim do mês bem depois, mas aí eu já tava quase batendo a meta e segui escrevendo furiosamente. Acho que a trilha sonora pra esse momento poderia ser o Galvão Bueno narrando uma prova do Phelps.

No caso eu estava competindo contra o tempo, já que eu precisava parar pra jantar e tava
quase na hora da minha novela BERRO
Daí quando eu senti que tava terminando o capítulo parei pra ver quanto eu já tinha escrito e....


Eu só fiquei olhando pra tela pensando EITA PORRA!!!
Em seguida fui pro twitter berrar pros quatro ventos que VENCIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII




Talvez não pareça lá essas coisas, talvez a meta seja muito baixa....mas CARALHO. Eu nunca tinha conseguido ganhar um nano ou camp nano na vida, sempre desistia no meio ou então me sentia desmotivada com aquele 50k me assombrando. Além do mais, percebi que esse mês minha relação com a escrita melhorou e muito. Em vários momentos eu escrevia berrando de empolgação, achando maravilhoso ou então eu gargalhava com um personagem e me sentia tão confusa quanto a outra. E mesmo quando sentia que tava meio lixo, eu sabia que o importante era ter o esqueleto da coisa e que depois podia melhorar. 

É PRA COMEMORAR MUITO MESMO.

Agora que cumpri o objetivo vou ter que diminuir meus dias de escrita pra poder me dedicar ao projeto, o que tá me deixando infeliz pois QUERO CONTINUAR. Parei numa parte em que as explicações finalmente iam começar a ser dadas e teriam altas revelações, tô ansiosa pra escrever isso HAHAHAHAHA. Ao que tudo indica, consegui criar o hábito de escrita e agora ninguém me para, rapá.


TAGS: , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *