CCdiário colaborador

Nossos pais olimpianos e personagens que amamos

21.12.16Conversa Cult


Chegamos ao terceiro dia da semana especial Rick Riordan e hoje nós vamos falar sobre nossos papais ou mamãe olimpianos e quais são os personagens que amamos. Muita gente escolheu quem era seu progenitor por questões de afinidade com personagens do livro. Outros escolheram por quem já gostavam na mitologia grega e romana. E ainda uma galera que se identificou como o tio Rick falava dos filhos de determinado deus e pensavam "Opa, isso sou eu". Um pessoal do blog e outros colaboradores nos falam como decidiram quem era seu papai/mamãe e quem são os seus personagens preferidos:

>>> BELLS

Eu escolhi o meu parente olimpiano quando fui me cadastrar num fã-clube de Percy Jackson, o famosíssimo e saudosíssimo Olimpianos RJ (E ÚNICO BRASILEIRO RECONHECIDO PELO RICK BEIJOS) e foram momentos de DÚVIDA. Cheguei a pensar em Apolo mas descartei na mesma hora porque NADA A VER. Aí pensei em Hermes, que eu amo de paixão, só que tenho nada em comum, pelos deuses né HGUIDHFGIDHFGIDHGI. Apesar de eu ser nerd e me dar bem com os filhos de Atena, eu nunca consegui me ver como filha dela. Na hora do vamo ver eu sou visceral e impulsiva, nunca planejadora ou estrategista, me orgulho mais das relações que construo do que do conhecimento que eu adquiro. Então me veio a resposta que eu tinha o tempo inteiro::: Poseidon. Eu sempre tive uma conexão muito doida com o mar, além de me identificar com o Percy em vários momentos.

Lá pelos meus 8, 9 anos assisti A Pequena Sereia 2 e eu me vi na Melody HAHAHAHA
Inclusive, ele é o meu personagem favorito sem sombra de dúvidas. Cada vez que eu pego nos livros com o pov dele eu me derreto todaaaaa, porque ele é um fofo, engraçado e tão corajoso que chega a ser maluco. Ele tem as melhores intenções do mundo e faz o possível pra mudar as coisas que ele acredita estarem erradas. E claro, Poseidon. É engraçado porque mesmo essa versão dele adaptada pelo Rick ainda tem um pouco do que aparece nos mitos, aquela coisa tipo NÃO OLHA PRO LADO QUE QUEM TÁ PASSANDO É O BONDE HFUISHFIUSDHFIDSHFISH. Depois deles vem Hermes e Apolo que GOSTO DE MONTÃO e os outros é bem "ahhhhh, só gosto". Nas outras séries eu tenho um super amorzinho pelo Anúbis, a Bastet, o Magnus e a Sam <33


>>> TAIANY

Reconhecer meu pai/mãe olimpiano foi um processo de aceitação e autoconhecimento. Eu tive que recorrer a ajuda de amigos, tive que pensar sobre mim e sobre o que eu queria...nunca pensei que fazer um cadastro num site pudesse se tornar umas das expressões da minha personalidade. Toda a crise se deu porque eu tinha muito (ainda tenho) de Zeus, me via muito em Hades e Atena, mas também não descartava os deuses menores. E nesse processo todo, a Bells foi minha iniciadora e duas coisas que ela falou foram cruciais para eu perceber que era meu pai olimpiano. A primeira foi que não tinha como eu ser filha de um deus menor, e tenho que concordar com ela, sou muito cheia de opiniões, vontades, e expansiva demais para isso. A segunda foi que a escolha não se referia apenas naquele parecido comigo, mas também em alguém que eu me orgulhasse, alguém que eu realmente escolhesse, tipo como funciona o chapéu seletor em Harry Potter. Ela não podia estar mais certa, porque hoje eu percebo que não teria como eu ser filha de mais ninguém que não mamãe. Eu amo a Atena e irei defende-lá.

minha reação quando percebem que sou total filha da minha mãe

Pensando agora, sempre caio nos personagens estudiosos/inteligentinhos, por vezes eles são até arrogantes, mas é isso ai, no fim das contas elas ganham meu coração antes mesmo de eu perceber isso. Então é claro que maninha Annabeth ganha o posto de preferida, porque o jeitinho dela...talvez Freud explique como uma especie de projeção. Oh as análises ai! Mas também adoro o Percy, e ele com a Annabeth, a romântica em mim num se aguenta. Ahhhhh e não posso esquecer do Nico com seu jeitinho de gótico suave que não engana ninguém. Adoro uns melancólicos sofredores. hahahahahahahahahahahahahahaha


>>> CAROL

Fui me inscrever no Olimpianos RJ e no formulários de inscrição você deveria marcar quem era seu progenitor olimpiano. Eu marquei Apolo PORQUE ELE ERA DEMAIS NOS LIVROS (acho que na época eu tinha acabado de ler A Maldição do Titã e estava toda toda pelo deus do Sol). Mas depois refleti bem, e vi que desde meu primeiro contato com mitologia grega (com o filme Hércules, da Disney, aos 4 anos) eu sempre, sempre gostei muito de Atena. Seja por ser patrona da cidade que eu achava mais daora da Grécia, seja por sempre ser fodástica no desenho do Hércules ou por seu animal-símbolo ser uma coruja (amo corujas), tudo me levou a escolher Atena como minha querida mamãe.

Já meus personagens preferidos das sagas do tio Rick fogem um pouco do padrão (pelo menos pra uma filha de Atena, já que aparentemente Annabeth sempre é a personagem preferida): Leo, Nico, Sadie (de As Crônicas de Kane) E ANÚBIS, AH, ANÚBIS, A VERSÃO LITERÁRIA DO CARA DOS MEUS SONHOS (menos a parte de ser deus dos mortos e tudo o mais.). Leo sempre foi o Cara Que Disfarça Insegurança Usando Piadas™, e isso é muito Carol. Nico, como a Taiany disse antes, é o gótico suave sofredor, e isso sempre me chama num personagem também. Não falarei mais coisas que me fazem amá-lo porque pode ser spoiler pra alguém. Sadie Kane é a garota que sai chutando portas, por mais medo que ela tenha, se ela precisa ela vai lá e dá a cara a tapa. E Anúbis... ai. Cabelo grande, camisa xadrez, meio soturno mas só tem medo de se abrir e gosta de rock alternativo. Sério. Ele aparece várias vezes no livro com camisa de bandas. Uma das vezes foi com uma camisa do Arcade Fire, eu berrei e quase morri quando li essa parte. Ele é meu amorzinho <3

Eu, toda vez que o Anúbis aparecia nos livros.

>>> JOÃO

MINHA MÃE OLIMPIANA É DEMÉTER E IREI DEFENDÊ-LA.

Eu sempre fiquei entre Atena e Deméter, mas eu acho que a coisa de buscar sabedoria não é tão forte em mim, não, apesar do que as pessoas parecem achar. E como a Bells com o mar, eu tenho uma conexão muito forte com plantas e a ideia de estar em contato harmônico com a natureza e ser grato pelo que ela nos dá. É uma força tão grandiosa e tão desrespeitada pelas pessoas, FICO REVOLTADÍSSIMO.

E Deméter é uma deusa MUITO injustiçada. Ninguém lembra que ela existe, e nos livros a representação de "louca do cereal" não ajuda em nada. Ela é tão mais que isso. Representa o espírito materno como ninguém, literalmente colocando o mundo em risco de infertilidade total quando sua filha é sequestrada e ela vaga pelo mundo a procurando. Mostra o poder quase infinito que a gente pode tirar de dentro pra defender aqueles que amamos, o que é uma mensagem muito bonita. E isso acaba metaforizado nos poderes "de agricultura" dela, que trazem sempre acolhimento e nutrição, mas também fome e destruição caso seja necessário.

DEMÉTER DO MUNDO BRUXO

Então, é. Deméter, de preferência a do meu headcannon, incorporada pela Viola Davis.  Tá certo que eu já matei várias suculentas, MAS FOI SÓ POR DAR MUITO AMOR E CARINHO (leia-se água), OK? É disso que o chalé número 4 entende: cuidar da vida.

(P.S.: OBSERVEM QUE PERSÉFONE, FILHA DE DEMÉTER, NEM MATA AS VILÃS, TRANSFORMA ELAS EM PLANTAS. GENIAL.)


>>> MARINA CHALOM, 17 ANOS

Isso é complicado demais, sempre me achei filha de Atena, sempre, sempre, tive várias recordações de chalé, mas depois de um tempo, eu notei que sou filha de Afrodite, não por beleza, mas porque eu vejo uma esperança no mundo que vem pelo o amor. Afrodite nos dá ensinamento muito maiores que beleza, muito maior que um amor de namorado, ela nos ensina a amarmos nós, o mundo e ajudar. Em ter a sensibilidade em enxergar as coisas.

Meus personagens preferidos da série são a Annabeth por todas suas características e por ser uma garota sensacional de inteligente e guerreira, Afrodite é claro, e Atena. Todas mulheres e com super ensinamentos.



>>> BEATRIZ BRITO, 25 ANOS

Filha de Atena com muito orgulho! E meus personagens favoritos são Annabeth Chase e Nico Di Angelo. Gosto do desenvolvimento dos dois personagens ao longo dos livros, principalmente o Nico. Quis saber mais dele desde sua primeira aparição na saga. E Annabeth, além de ser filha de Atena, tem uma certa insegurança dentro dela com a qual me identifico.


>>> FILIPE CUNHA, 25 ANOS


Mesmo tendo me debandado pra casa dos meus primos, em Hermes, não tem como negar que Poseidon é papai. Antigamente eu tinha até uma listinha com uns 20 itens dizendo o porque eu era o maior filho de Poseidon que você respeita ! Não lembro nem de 5 desses motivos, mas aqui vão os que eu lembro:

Já começa pelo meu nome, Filipe, que significa "amigo de cavalos" (advinha quem é o pai dos cavalos?), depois tem aquele motivo básico que todo mundo sempre usa "há, fiz natação"( bem, se tiver feito por 12 anos igual a mim, ou mais, a gente conversa hahaha.) e por último dos que eu me lembro, eu sou míope. Fisicamente falando, míopes quando estão dentro da água, sentem como se estivessem em seu mundo ideal, devido ao fato da água funcionar como um tipo de lente, que faz a água refratar e a imagem ser criada no ponto correto para você enxergar direito.

Quanto ao personagem favorito, difícil dizer se é o Carter ou o Beckendorf. Carter me representa TOTAL, já o Beckendorf foi o personagem que eu bati de cara, ao contrário do Percy, que não sou fã até hoje (polêmica hahahahah).

Filipe sobre o Percy HAHAHAH

E vocês? Quem é seu pai olimpiano? Ou você é uma criatura da natureza (eu conheço um Pônei de Festa) ? Nos digam nos comentários!

TAGS: , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *