CCLivros CCResenhas

[Resenha] Morte em Pemberley, de P.D. James

14.4.14Elilyan Andrade



O ano é 1803. Elizabeth e Fitzwilliam Darcy – de Orgulho e Preconceito –, casados há já seis anos e com dois filhos, não podiam estar mais felizes vivendo em Pemberley. Até que no dia do baile de Lady Anne, Lydia, uma das irmãs Bennet, chega à mansão gritando que o marido foi assassinado na floresta.

Assim inicia-se a história de “Morte em Pemberley”, um livro que utiliza o universo de Orgulho e Preconceito de forma magistral, como faria uma excelente fanfic.

Quando “Morte em Pemberley” foi lançado me passou despercebido. Sou apaixonada por Jane Austen e “Orgulho e Preconceito” tem um lugar de destaque em meu coração, então qual foi minha surpresa ao descobrir que em dezembro de 2013, Morte em Pemberley se tornou uma minisérie produzida pela BBC e que a Companhia das Letras já tinha lançado o livro em abril! Correndo atrás do prejuízo fui conferir o que "Morte em Pemberley" tem de tão interessante. 

É impossível para qualquer amante de Austen perder a oportunidade de conhecer mais sobre a vida de personagens tão amados e “Morte em Pemberley” cumpre isso com louvor. Não conhecia o estilo de escrita de P.D. James e continuo não conhecendo, pois lendo Pemberley senti que lia uma obra escrita por Austen, tamanha foi a delicadeza ao utilizar os personagens e manter as personalidades deles fieis a obra original. O respeito a obra original é o maior trunfo de “Morte em Pemberley” em comparação a outras obras que se apropriam do universo de Austen. 


Não é apenas a fidelidade a obra original que chama atenção em “Morte de Pemberley”. James induziu uma trama policial instigante que prende o leitor do começo ao fim. Fãs de Sherlock Holmes e Hercule Poirot irão apreciar bastante a trama tecida por James. Detalhes e fatos jogados a esmo parecem sem conexão nenhuma, mas quando chega ao final você percebe o quanto a genialidade de James justifica seu apelido de Baronesa do Crime


Se você procura um romance fofo e com toques de ironia similar a “Orgulho e Preconceito” passe longe de “Morte em Pemberley”, pois o livro de James não nega ser uma homenagem ao original, mas apresenta elementos inversamente diferentes do que um fã da obra de Austen encontraria em seus escritos. E isso é ótimo! Agora, se você procura um bom romance policial caia de cabeça nos mistérios de Pemberley.

4,5/5 conversinhas




Sobre a nota: Já li vários livros que se apropriam da obra de Austen, mas esse foi o primeiro que particularmente gostei. Morte em Pemberley é um livro tranquilo e gostoso de ler. Um romance policial de altíssimo nível e mal posso esperar para conferir se a minisérie produzida pela BBC faz jus ao livro.

 
Livro: Morte em Pemberley
Autor: P.D. James
Editora: Companhia das Letras
Comprar: SaraivaTravessaSubmarino
No Skoob

 Esse livro foi gentilmente cedido pela Companhia das Letras.
Muito obrigada :)  


TAGS: , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

1 comentários

  1. Achei horrível a escolha dos personagens para a série ,Lizzie parece ter 50 anos .

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *