manifesto pacífico opinião

"Não sou hipócrita como muitos que estou vendo por ai, a maioria vai ao Facebook, Instagram..."

18.6.13Dana Martins


Revolta do Vinagre. Meu amigo me mandou algo discordando nas manifestações, um comentário no facebook e e eu concordo totalmente com isso.

O importante é que a gente tenha opinião, que a gente discuta, que a gente brigue, que a gente erre, que a gente vá pra rua ou que a gente fique em casa pensando. O importante é, principalmente, que a gente pense e lute. 

Leia na íntegra o comentário dele abaixo.


"Quer saber o que eu acho disso tudo?

Primeiro quero dizer que como todos os brasileiros, sou totalmente contra os impostos abusivos que pagamos todo mês, ao total descaso na educação e na saúde, sou contra a corrupção, a violência e a tudo que faz mal ao Brasil e aos cidadãos. AGORA NÃO SOU HIPÓCRITA como muitos que estou vendo por ai, a maioria vai ao Facebook, Instagram, coloca #vemprarua,#soucontraosistema #manifestopacífico e por ai vai... A maioria se faz de vítima do sistema, mas não tem coragem e vergonha na cara pra assumir que sustenta esse sistema o tempo todo.

Você já denunciou alguém que venda droga no seu condomínio? Você já denunciou alguém que usa Carterinha falsa pra pagar meia entrada no ingresso? Você já denunciou alguém que roubou alguma coisa em uma loja e que você viu? Acho que a maioria das respostas é NÂO. Então porque o Cabral , Lula, Paes, qualquer político vai denunciar o companheiro de profissão por algum delito? A forma de pensar é a mesma, não estou aqui defendendo político X ou partido X, até porque no meu entendimento são todos iguais, depois que entram no poder todos ficam iguais, tanto os políticos quanto os partidos, esquerda?direita? no fim o lado deles é o mesmo que é o "pensar em sí próprio e foda-se a população."O que eu to querendo dizer é que nenhum político ou líder por assim dizer quando eleito é diferente dos seus eleitores. Nós somos culturalmente corruptos, individualistas, hipócritas tentando se dar bem em tudo. Os políticos são apenas o reflexo da sociedade brasileira que tem como lema "a malandragem", o "jeitinho brasileiro".
Então meus caros amigos, antes de irem as ruas protestar, quebrar agenci"as bancárias, lojas de chocolates, depredar patrimônio público, pichar paredes com chega de corrupção ou mesmo protestarem pacificamente , vamos mudar a nós mesmos primeiro antes de cobrar dos outros, porque o baseado que você fuma sustenta o traficante que amanhã ta estuprando a sua mãe ou sua irmã, ou atirando na cabeça do seu pai, a multa que você não paga direito e acaba pagando ao guarda que amanhã vai liberar um bêbado que vai acertar seu carro e matar um ente seu, o cd que você compra pirata vai financiar o trabalho infantil. Ou seja vamos rever nossos atos primeiro e muda-los para depois poder protestar e cobrar dos políticos, temos que mudar a nossa cultura e parar com a hipocrisia de apontar o dedo pro lado mais fácil e culpa-lo por tudo

É isso que eu acho disso tudo." *não coloquei os créditos por não ter pedido autorização.

Quer saber o que eu acho disso tudo? Que ele nem teria parado pra discordar, ou pra tentar fazer as pessoas pensarem, se não fossem os protestos. Se não fossem esses modistas (que com certeza estão por aí e são muitos!). Só por isso as manifestações são válidas. Só de abrir espaço para a discussão. E a gente tem que falar mesmo. Todas as opiniões. Sobre tudo.

O importante é que a gente tenha opinião, que a gente discuta, que a gente brigue, que a gente erre, que a gente vá pra rua ou que a gente fique em casa pensando. O importante é, principalmente, que a gente pense e lute. 

Pior do que discordar ou apoiar, é entrar embaixo da pedra e ignorar o que está acontecendo só por "não confio em ninguém" ou "não sei direito o que é" ou "sou muito hipster pra essa modinha." Pense.

TAGS: , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM