CCCuriosidade dia da toalha

DON'T PANIC: Manifesto Nerd (ou não)

25.5.12Igraínne


Dia 25 de maio... quando se comemora três das maiores celebrações nerds ao mesmo tempo: o Dia da Toalha, o Dia do Orgulho Nerd e... o dia da síndrome de underground nerd. Então, nós aqui do CC, vamos discutir a terceira para comemorar os outros dois. Já pegaram as toalhas? Vamos em frente.

Afinal, o que é nerd? 
Nesse grande dia, alguns vão andar para todo lado com uma toalha. Outros vão tirar do armário o sabre de luz. Ao mesmo tempo, muitos nerds de "verdade" estarão por aí se coçando e falando mal dos que vieram depois. Por exemplo: os fãs (de "verdade") de Star Wars vão dar ataque por causa de todos os fãs de The Big Bang Theory que estarão gritando "Bazinga!" por aí no Dia do Orgulho Nerd (que foi escolhido, aliás, para comemorar a estreia de um filme de Star Wars). Mas nós ainda temos uma legião de mochileiros que estão aqui há mais tempo e batendo cabelo boca porque eles tinham o tal Dia da Toalha e vieram uns outros (fãs de Stars Wars "que não sabem de nada") e colocaram o Dia do Orgulho Nerd na mesma data. 

O problema aqui não é só o simples "eu descobri antes", é porque a definição nerd junta mais mutações do que a história dos X-Men inteira. Para piorar, há pouco tempo conseguiu reunir sentidos contraditórios: o nerd é o anti-moda que está na moda. wtf?!

Na minha não tão longínqua infância, eu conheci "nerd" como aquele cara excluído, estranho, que tira nota alta e todo estereótipo. Chamar alguém de nerd era praticamente um xingamento, ninguém ia bater no peito e falar "sou nerd mesmo!". Aliás, o tal Dia do Orgulho Nerd foi criado na Espanha, onde os nerds são chamados de "Friki", derivação de "freak", que é tipo "olha aquele cara estranho!".

O nerd friki acabou sendo chamado assim por causa de seus gostos peculiares. É tipo aquela hora que você chega para alguém e diz "olha que banda maravilhosa!" e a pessoa te olha com cara estranha. Ou quando você anda sempre agarrado em um livro e começam a duvidar da sua sanidade. "Cruzes, Guia do Mochileiro é muito nada a ver, mundo estranho. Tem que ser louco pra gostar disso".

Não muito diferente de agora, como você pode imaginar. Só que a visão disso era negativa e essas pessoas costumavam ser rejeitadas por sua "estranheza". O bullying está aí para confirmar.

Já agora, com Lady Gaga gritando para todo lado o "born this way", todo mundo viciado em tecnologia, e a internet dando chance para as pessoas se reunirem, ninguém é mais tão excluído assim.

Aliás, com a internet também fica muito mais fácil conhecer coisas novas e sair se viciando em coisas "estranhas".

Nerd?

Tá, mas quem é nerd?
Já vimos que antes ser nerd era algo ruim e agora pode ser extremamente sexy, pelo menos quanto à roupa. Porém, ser nerd não é só colocar óculos grandes e vestir o casaco do pac man, nem ficar jogando Call of Duty. Se você acompanhou até aqui o post, provavelmente já reparou: existe a definição de nerd como "feio" (de estilo, que agora ficou bonito) e do nerd como aquele gostos "estranhos" (aquele com conteúdo)*.
*Nada impede a pessoa de acabar sendo os dois ao mesmo tempo. 

Encontrei por acaso um texto que dá uma ideia boa sobre essa definição de nerd como "pessoa atrás de conteúdo":

"Sempre quando um computador ou um celular novo é lançado no mercado, assim como novos games, é muito comum já estarem aguardando na fila há dias antes de seu lançamento. O mesmo fato ocorre com novas edições de livros famosos, como Harry Potter, que normalmente se esgotam em questão de poucos minutos.

Na maioria dos casos, esses produtos são adquiridos por pessoas que são viciadas em novas tecnologias relacionadas às diversas áreas do entretenimento, como computadores, games, livros, filmes e cultura pop em geral."

Esse lado de "vício" é que faz a diferença, a pessoa querendo buscar mais, saber mais. É até bem parecido com um fã, mas o nerd é de um modo mais abrangente. Não é à toa que o Dia da Toalha e o Dia do Orgulho Nerd foram criados por fãs do Douglas Adams e fãs de Star Wars.

>>>Tipos de nerd

Bem, temos o nerd clássico, que é aquele cara estranho/excluído/feio de antigamente mesmo. Os interesses deles eram mais focados em tecnologia, computadores, games, RPGs, livros de fantasia e de ficção científica. Lembrando que os três primeiros não eram nem de longe tão comuns quanto hoje, então era um gosto mais estranho. O James Halliday, do livro Jogador Nº 1, é um grande exemplo desse tipo.



Os nerds hoje em dia são divididos em um monte de tipos, mas sempre de algum modo relacionado ao vício e à vontade de saber mais. Por exemplo, há o termo Geek.

Discussão vai, discussão vem e Geek é outro desses nomes com mil significados. Para alguns, é o lado bom da força Nerd. Como se o nerd fosse aquele cara feio dentro de casa que vive com a mamãe para sempre enquanto fica no computador e o Geek fosse aquele que é viciado em tecnologia e "faz acontecer". Mas, no final (ou início?) da conta, tanto "nerd" quando "geek" tinham um teor negativo. A questão é que "nerd" foi o mais famoso e estão reaproveitando o "geek" como um lado positivo.


Também há os nerds viciados em videogame, os nerds viciados na cultura oriental, os nerds viciados em HQ... Nada impede que a pessoa goste de tudo ao mesmo tempo. Basta cruzar as margens do comum e ir em frente.

"Espera aí", você deve estar pensando. "Então qualquer um pode ser nerd!"

No fim, você percebe que a cultura dos nossos amigos da toalha é bastante parecida com ser fã da cultura pop em geral. E a nova geração, apesar de ter conhecido algum tipo de vida *pré-computador* não consegue se imaginar sem ele - pelo menos a maioria. Os mais novos nem sequer compreendem como isso um dia foi possível.

As músicas, filmes, jogos, livros, séries de tv... Tudo tem referência nerd, apresentando sinais desde imperceptíveis até gritantes, como "The Big Bang Theory". A colisão evidente entre a cultura pop e a nerd possui uma larga linha de misturas, onde quase podemos dizer que uma coisa complementa a outra. Praticamente, se você se encaixar em alguma das características já mencionadas, pode ser considerado um nerd.

No fim, é questão de identificação e identidade. Ninguém além de você tem o direito de dizer o que você é ou não.

Agora antes de sair por aí com sua toalha, fica aqui de presente o "Manifesto Nerd". O "Manifesto" é uma lista de diversos itens que compõem quase um guia (não como o Guia do Mochileiro das Galáxias) de como um nerd deve levar a vida, todos os seus direitos e deveres para com a nação. Criado em 1998 por Tim McEachern, O Manifesto fez sua primeira aparição em um evento nos Estados Unidados, o Geek Pride Festival, que na época também era inédito.


Manifesto nerd

1. Seja um nerd, sempre. Ou seja, não se acanhe diante da ausência incompreensível de nerdice em algumas pessoas, e/ou coisas.

2. Tente ser mais nerd que todo mundo. Afinal, a competição sempre gerou pessoas melhores, e pessoas melhores podem conseguir coisas superiores.

3. Se houver um debate nerd, dê sua opinião. Não podemos nos arriscar a guardar pensamentos durante toda a eternidade e jamais conseguir dormir novamente.

4. Salve e proteja todos os objetos nerds. Eles podem ser parte da sua vida social, e não queremos perder a vida social.

5. Tenha um "museu" nerd dentro da sua casa. Não jogar as coisas fora indica que você compreende a sabedoria dos mais velhos.

6. Não seja um nerd genérico: especialize-se. Todo mundo adora um "algo a mais".

7. Leia e veja tudo antes de todo mundo. Você pode acabar descobrindo uma forma de prever o futuro. Seria glorioso e você não quer perder essa oportunidade.

8. Vá à todas as estreias; com ou sem cosplay. As pessoas precisam ver o quanto você é indispensável à sociedade.

9. Nunca jogue fora seus objetos nerds. Eles são realmente confiáveis e você pode precisar consultá-los para algum questionamento interno mais tarde.

10. Tente conquistar o mundo! Considerando que a chance de um nerd ficar rico e famoso é bem alta, esse item virou seu objetivo na vida. Não o subjugue.

Seguindo o Manifesto, não há síndrome de underground que poderá te derrubar. Se tentarem, contra-ataque com todo o seu conhecimento. :)

TAGS: , , , , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *