clube de escrita diário de escrita

Clube de escrita: o poder da coletividade

11.11.18Isabelle Fernandes


Como eu já previa, essa foi uma semana difícil pra escrita. Simplesmente não consegui parar em momento algum pra me dedicar à história, além de ela ter dado uma leve MORRIDA. Ressuscitou logo meu projeto antigo de outros nanos que quero deixar ENCOSTADO até terminar essa, pelo amor de deus!!

PORÉM um Write-In organizado pelo Nano Brasil mudaram os rumos deste drama....acompanhem para entender HAHAHAHAHAH


Essa semana foi tão parada que vou pular diretamente para QUINTA FEIRA, pois nos outros dias nada aconteceu. As quintas são os dias de pegar o metrô e foi nele que comecei a rescrever Vampiros no Fundão. Aparentemente fiquei condicionada pois foi só então quando peguei ele de novo desandei a escrever JAHAHAHAHAHAHA.

E SÓ


A essas alturas eu já sabia do Write-in do RJ e pretendia ir, porém mil coisas pareciam ter se tornado um empecilho, tanto é que na sexta à noite eu tinha certeza de que eu não ia. Eis que chegou a manhã de sábado e tudo magicamente se resolvei e decidi que ia (e ainda arrastei a coitada da Taiany HAHAHAHAHAHAH). Já com Felipe, por outro lado, deu tudo errado e ele acabou indo HHAHAHAH. 

Enfim, rolaram três sprints (mini maratonas) de 20 minutos com palavras sorteadas a serem incluídas no texto a ser escrito durante esse tempo. No primeiro sprint precisei de um tempo pra me reconectar com a história, mas aí depois as coisas começaram a fluir maravilhosamente. Ok que não alcancei 900 PALAVRAS como alguns participantes da mesa, mas fiquei bem feliz pois em todas consegui ultrapassar minha gigante meta de 323 palavras. AO INFINITO, E ALÉM!!!

Algo que eu amei foi o clima que o write-in proporcionou. Claro que a starbucks em si só já é um ambiente aconchegante, com todo aquele cheiro de quitutes e o jazz baixo, mas também foi importante estar cercada de gente que GOSTA de escrever e que passa por problemas parecidos com os meus, oferecem soluções que ajudam aos outros, e por aí vai. Fiquei apaixonada por esses sprints pessoais e mano, agora eu quero muito participar sempre HAHAHAHAHAHA.

Ainda teve pausa pra ir comprar comes e bebes HHAHAHAHA

Total de palavras escritas até agora: 1,918


***

Enquanto isso, no grupo de apoio dos escritores....

Duda: Essa semana foi difícil. Eu tive uma crise por causa de uns assuntos pessoais e precisei muito tirar uns dias só pra mim e não fazer absolutamente nada. O que significa que tô atrasada com a história, embora eu tenha procrastinado de forma produtiva (pensar assim me ajuda a dormir q haushaushaushs) colocando quase 20 músicas na playlist da história, então...

Tô animada pra continuar escrevendo porque parece algo muito empolgante, mas é muito difícil conciliar faculdade + sono + saúde mental + vida social + escrita. COMO QUE OS SERES HUMANOS FAZEM ISSO? (será que fazem mesmo? fica aí o questionamento). Achei importante ter tirado esse tempo pra mim e ter abandonado a escrita essa semana. Eu teria ficado muito mais frustrada e desanimada com a história se tivesse me obrigado a escrever na situação em que eu estava. Talvez eu até tivesse desistido de escrever se não tivesse feito a pausa. 

É isso por hoje, meus caros nanowrimos 

Total de palavras escritas até agora: 2.304

Jota: Sabe escrita? Eu amo, mas to fodido. Primeiro que não me sinto inspirado e nem to indo e tentando escrever. Esse é o nível do meu mais recente bloqueio. Queria? Queria, mas nesse momento parece que não tô muito a fim, apesar de ter várias histórias para contar. O que eu queria é estar toda hora inspirado, seja triste, feliz ou sei lá... Mas agora eu só tenho uma mão toda dolorida porque quebrei um sofá inteiro. Alguma hora eu consigo escrever, mas para esse Nano... Só os deuses sabem. E eu acho que eu sei que não vai rolar, e se rolar, vai ser muito pouco.


TAGS: , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM