CCLivros CCResenhas

O Clube dos Oito, de Daniel Handler

24.8.18Eduardo Ferreira


Eu sempre gostei da forma como Daniel Handler conta suas histórias, então quando vi que seu livro de estreia estava sendo lançado pela Seguinte, sabia que precisava dele. Não só pelo autor mas pela sinopse instigante e a promessa de um bom mistério.

Entretanto, o começo não foi bem o que eu esperava.
O Clube dos Oito é um livro em forma de diário. O diário de Flannery Culp, uma adolescente como qualquer outra, cheia de dúvidas, incertezas e com a auto estima baixa. Gente como a gente. 

Os fatos do diário são narrados para o culminante clímax do livro: alguém morre e a culpa é do Clube do Oito.

"A veracidade da sua história parecia um sapato emprestado. Talvez grande demais e com um formato ligeiramente diferente do meu pé, mas usável, conveniente." Pag. 362

Esse clube é uma reunião de amigos que fazem jantares e bebem como se fossem adultos. Adolescentes com suas personalidades próprias, mas que têm algo em comum: o gosto por jantares formais. E é num desses jantares que alguém morre e toda a história do livro gira em torno disso.

A narrativa e todo o enredo é bem adolescente e por vezes Flan tem algumas atitudes bem infantis e imbecis (nada novo aqui pra quem já foi adolescente). Sendo a primeira metade do livre bem pacata e sem muitos acontecimentos a ponto de me fazer parar a leitura várias vezes porque desinteresse. 

Foi quase uma guerra continuar esse livro e foi só lá pela página 250 que eu realmente me vi envolvido e interessado pela história. Antes disso pareceu tudo uma grande enrolação e o que me fez seguir em frente foi a narrativa característica de Daniel Handler que, aos poucos, descaradamente te contar algum spoiler leve do que acontece no futuro. Essa característica de revelar fragmentos do clímax que me fez ficar curioso e realmente continuar a ler o livro.

Mesmo sabendo o que ia acontecer, quem ia morrer, quando e quem era o assassino, a tensão criada por esses detalhes me fez ficar ansioso pelo livro e ler as 160 páginas finais em um dia, tamanha minha curiosidade pelo final.

Por outro lado, por causa disso, a grande revelação do livro já era uma suspeita minha logo na metade do livro (e uma certeza quanto mais perto do fim eu chegava). Então, esse evento não pareceu tão grandioso quanto o autor planejava fazer porque eu já esperava que isso acontecesse.

"Quando algo tão simples e verdadeiro nos pega de surpresa, é como um soco no estômago" Pag. 39

O Clube dos Oito é uma leitura agradável e uma narrativa um tanto quanto diferente e mesmo com o início fraco, é um livro que vale a pena ser lido.



Porque apesar do início fraco, me fez querer muito saber o final.

Ficha Técnica

Autor: Daniel Handler
Editora: Seguinte
Tradutor: Fabricio Waltrick
À venda em: Saraiva, Amazon


Um agradecimento muito caloroso à editora por ter disponibilizado o livro <3

TAGS: , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM