batuk freak beleza natural

Dia com Karol Conká

12.5.16Valentino Martins


Olá, galerinhaaa! Eu acabei de ler o Batdrama: Esperança e Realidade da Dana, acho válida a leitura. Não sei se é porque o que ela vive respinga em mim (moro com ela, né), mas pelo menos pra mim, foi um texto poderoso e inspirador. Estou vivendo situações parecidas, foi revigorante ler!

RETOMANDO, música boa, Antiéticos, Batuque Digital e Karol Conká! Vou contar timtim por timtim dessa aventura que a 4Elementos Eventos proporcionou.

PLOT TWIST 

Plot Twist 1 - Praticamente no dia anterior ao show descobrimos que Karol não iria chegar cedo como o previsto, mas sim às 21h. Cancelando 85% do planejado que era buscar ela no aeroporto, passagem de som, levar no hotel, realização de fotos e até, numa realidade paralela, um café da manhã conjunto foi pensado. Conká atrasou o voo por conta da produção do novo CD, tá desculpada. hahaha

Plot Twist 2 -  Chegou o dia do evento e, novamente, teve mudança no horário do avião. Não mais às 21h, agora ela chegaria às 19h. Porém, isso foi dito às 16h da tarde e queriam que estivéssemos no local do evento às 17h. Uma. Hora. Pra. Chegar. Let the maratona begins!

Recepção no Aeroporto e Conhecendo Mamacita


Contexto: Sete pessoas ganharam a promoção que dava todos os privilégios contados nesse post, eu fui um deles.

Universo Conspira a Favor - Por sorte, eu tinha ido mais cedo pra casa de uma conhecida que é perto do evento. Cheguei lá no Jacarepagua Tênis Club eram 16:59, eles iam sair às 17h. Nós éramos 7 e tinham chegado apenas 3 pessoas da promoção. Nós 7 pirando via whats app pra que todos pudessem chegar a tempo. Pedimos ao motorista pra enrolar e ganhamos até 17:20, no momento que ele disse "nós vamos agora" mais um ganhador chegou.

Será que nada mais pode dar certo? - Nós 5 estávamos na vã fretada da produtora. Faltavam mais duas pessoas. Melissa, uma das ganhadoras, bateu o pé e conseguiu que marcássemos um ponto no caminho pra pegar os outros dois. Confusão vai, confusão vem, ih! o ponto passou, pega ônibus, trânsito... 40 minutos mais tarde eles entram na vã.

Será que nada mais pode dar errado? - Nós 7, todos juntos, indo recepcionar Karol Conká no aeroporto. Coral de rap? Só na facção Conká, rapá. (Facção Conká: nós 7, ganhadores da promoção.) Então, trânsito, né? Karol chegou e nós, assim, estávamos praticamente com a cidade do Rio entre nós e ela. Conclusão: corre pro hotel porque aeroporto babou.

Hotel - Chegamos 15 minutos antes dela. Nós todos altamente nervosos, conversando e rindo, rolou uma amizade sincera entre nós. Até o tiozinho da vã fretada entrou na brincadeira! Karol chega.

Karol coloca a perna pra fora, depois a cabeça e o tron... parei. Ela sai, grita que vai entrar rapidinho no hotel pra deixar as malas e que já vem.


Ela nunca mais saiu


HAHAHAHA brincadeira. Ela veio até nós, abraçou cada um de nós e conversamos por mais ou menos uma hora. Ela é super gente fina, bom coração. Contou babados fortíssimos dentro do mundo do rap e foi mega atenciosa. Até fizemos selfies! Após o meeting ela foi tirar um cochilo e voltamos pro local do show.


JACAREPAGUA TÊNIS CLUB



Se algum dia na minha vida me senti poderoso, te falar, foi nesse dia. Quando chegamos no evento, tava com uma filinha na entrada e uns perdidos pela rua, mais ou menos umas 40 pessoas ao todo. Nossa vã tava com o som alto, tocando Karol, paramos na porta, olhos curiosos fixados na vã, descemos e entramos no casa de show enquanto as portas ainda estavam fechadas. Foi mó comédia, sensação de credibilidade imensa! hahahaha

Lá dentro fomos direto pro camarim. Enchemos de bolas e espalhamos diversos presentes, uma mini Karol Conká feita à mão inclusive.

Ambiente



Antes dos shows iniciais (Antiéticos e Batuque Digital), DJ's animaram a galera. Tinha um estande de moda, Leão de Judah, com roupas e artes meeega legais e um estande da linha Beleza Natural. O espaço estava com luzinhas de natal branca na mureta do segundo andar e em dois lustres fincados ao teto. A estrutura era toda de cimento e vazada, por ser um club. O som do DJ cortava o ar com black music que simplesmente não dava pra ficar parado, atraiu até dançarino de rua. O público era composto por cabelos afros, dreads e trançados, rebolados e movimentos autênticos. Toda essa combinação gerou um ar tão empoderador, de autoestima alta, beleza, inspirador, não sei se essas são as palavras certas, mas a sensação de liberdade e vida sondava o ar. Era uma aura extremamente boa. Foi extraordinário, eu não queria mais sair dali.

Antiéticos e Batuque Digital



Antiético: um desacordo com o padrão estabelecido. Com letras fortes e poderosas, abriram a noite. Não posso falar muito porque não pude ver o show inteiro. ):

Batuque Digital: PARA O MUNDO. PARA A VIDA. SERÁ QUE ESTOU NO PARAÍSO? Karol estava prestas a chegar quando um bateria arrebatadora me gritou lá no camarim. O fogo se acendeu dentro de mim e corri como uma bala pro salão do show. Dali eu sambei, rebolei e me acabei até o fim. Me acabei tanto que perdi a sessão de fotos com Karol Conká. Seríssimo. Mas, poxa, não dá, samba comigo não dá. Fiquei lá, de frente pra bateria até minhas energias acabarem.


Batuque Digital, mal conheço e já considero pacas. Eles trazem músicas atuais, internacionais e nacionais, encaixando a bateria destruidora. É algo tipo assim.. DON'T YOU WORRY DON'T YOU WORRY CHILD -tumtiquetumuetumensurdecedor-. Como eu não conhecia antes? Minha Santa Desbocada, que coisa mais maravilhosa. Se eu pudesse, levava todas as pessoas que conheço pra ver Batuque Digital. Até os inimigos. hahahahaha

Karol Conká

Karol Conká chegou e levou todos até o chão. Todos cantando e se divertindo de verdade.
A produção colocou nós sete no setor praticamente dentro do palco. Nós passamos lá, o show e a noite colado com Karol. Atenciosíssima levou diversas pessoas ao palco. Teve um momento, estávamos lá e ao som de "Lista VIP" ela chamou todos nós da promoção pra compartilhar o palco com ela. Foi engraçado, revigorante e super divertido! Rebolar no palco? AO LADO DA KAROL? Mermão, pentelho do braço chega arrepia!

Ela cantou seu sambinha novo e uns segundos da música da MC Carol de Niterói: Toca na pista. Show sensacional e que, se me chamarem pra ir em outro, eu vou quantas vezes chamarem. 


Coloquei esse video aqui porque é muito bom. A segunda parte deste post sai nesse sábado e, te falar, aquele vai ser muito mais profundo, é quase um Batdrama do Tino.


TAGS: , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *