Bailey Buntain CCDicas

O que é intersexo/intersexual/intersex?

24.9.14Dana Martins


Eu sei que em breve algumas pessoas vão se perguntar exatamente isso: O que é intersexo? E como o número de fontes sobre isso em português é quase nulo, eu decidi traduzir esse FAQ que explica de forma simples e direta o que é intersexo e ainda nos livra de confusões, como com a palavra hermafrodita. Mais do que isso, esse texto abre espaço para uma discussão bem maior:

Será que a ciência tem mesmo uma definição de quais características físicas determinam que alguém é do sexo masculino e alguém é do sexo feminino? 

Além disso, de quebra é um FAQ bem pés no chão que explica a importância de entender as histórias de pessoas diferentes de você. 


Aviso: Em algumas palavras eu uso um * e no final eu explico algumas coisas a mais, para adaptar o texto à realidade brasileira. 


Essa imagem em português foi feita pelo Inter/Act mesmo pra gente!
Eles também divulgaram esse texto no tumblr oficial

















O que é intersexo? - Um FAQ sobre intersexo do Inter/Act

Inter/Act tem trabalhado com a série da MTV Faking IT para construir um personagem intersexo (mais) realista, Lauren (interpretada pela Bailey Buntain De Young). Nós esperamos algumas pessoas novas na nossa página, se perguntando o que exatamente intersexo é. O FAQ sobre intersexo a seguir foi reunido pelos membros do Inter/Act. A intenção é ser um documento que continuamente será mexido, mudado, com coisas adicionadas ou retiradas. Por favor se sinta livre para fazer referência, reblogar e nos fazer perguntas (no inter.act@aiclegal.org - em inglês).

O que é intersexo?

Intersexo é um termo guarda-chuva* que descrever pessoas nascidas com uma das mais de 30 variações na anatômicas de sexo resultando em corpos nem puramente masculinos ou femininos (internas/ e ou externas). Nós normalmente somos ensinados que sexo é meramente preto e branco, "macho" ou "fêmea", mas isso simplesmente não é verdade. Há um monte de áreas cinzentas incríveis no meio que podem tornar alguém intersexo!

Quais são algumas condições de intersexo?

Há muitas condições que se encaixam no guarda-chuva do intersexo incluindo, mas não limitando a: Androgen insensitivity syndrome* (AIS), Congenital Adrenal Hyperplasia, Síndrome de Klinefelter, Hypospadias, Mayer-Rokitansky-Küster-Hauser Syndrome (MRKH), Swyer Syndrome, Turner Syndrome, 5-Alpha Reductase Deficiency. Por favor, veja o site da ISNA (Intersex Society of North America) para mais informações em condições específicas.

Quão comum são as pessoas intersexo?

Os intersexo são por volta de 1 em cada 2.000 pessoas. Isso é tão comum quanto ruivos naturais! Nós não somos tão comuns quanto os ruivos, mas bem perto. Nós não somos raros, apenas invisíveis.

Então como é que eu nunca ouvi falar de intersexo antes?

A comunidade intersexo tem uma longa história de vergonha e segredo, por muitas razões. Para começar, muitos médicos dizem aos pacientes que eles nunca vão encontrar alguém como eles. Às vezes eles vão até dizer para os pacientes nunca contarem sobre sua condição para ninguém! E acima disso, médicos e pais muitas vezes tentam "consertar" o corpo de crianças intersexo com cirurgias desnecessárias tentando faze-las se encaixar em sua ideia de "normal." Sem mencionar que cada condição é diferente, então educar o público em geral é difícil quando há tanta informação para falar.

Parece que é difícil cuidar das condições intersexo!

Pode ser. Procurar um bom médico com quem você pode realmente se conectar é muito importante para as pessoas intersexo. Às vezes médicos não sabem a melhor forma de lidar com cada pessoa específica. Todos nós precisamos ser informados sobre nossos corpos, nossas opções e da pesquisa que tem sido feita para que possamos tomar as melhores decisões possíveis. Fazer uma decisão informada é a coisa mais importante que uma pessoa intersexo pode fazer, por favor não faça nada com pressa.

Como gênero se mistura com intersexo?

Não tão simples quanto você pode pensar! Intersexo se relaciona a sexo biológico e traços genéticos da pessoa, órgãos reprodutivos internais e externos, hormônios e características secundárias de sexo. Gênero é mais sobre o modo como alguém se sente e se identifica. Isso significa que indivíduos intersexo se identificam como feminino, masculino, homem, mulher ou uma multidão de identidades tanto quando indivíduos não-intersexo se identificam. Alguns exemplos são genderqueer, agender, terceiro gênero, two-spirit e uma lista que não termina aí. É importante lembrar que gênero é fluído, não estagnado, possivelmente alternando o curso durante a jornada de uma pessoa.

Como intersexo se diferencia de transgênero?

Intersexo normalmente é confundido com transgênero, mas essas são na verdade duas coisas bem diferentes. Intersexo é quanto o seu sexo biológico não se encaixa na binária masculina/feminina, mas transgênero é quando você sente que o seu sexo atribuído* não combina com a sua identidade de gênero. Alguém pode ser ao mesmo tempo intersexo e transgênero!

Quais termos eu posso usar para falar de pessoas intersexo?

Intersexo ou DSD (Desenvolvimento de Sexo Diferente*) são dois termos correntes que a maioria das pessoas usam indistintamente. No entanto, ambos podem ser controversos para pessoas diferentes. Alguns dos nossos jovens se sentem mais confortáveis com DSD porque pode ser o único termo familiar para eles, enquanto outros preferem intersexo em vez de DSD. Todas as pessoas intersexo têm o direito de se definir em qualquer momento particular da própria jornada. É melhor para as pessoas chegarem às próprias conclusões sobre como eles querem se identificar, em vez de ser dito ou pressiona a identificar de um certo modo. Se você não sabe como alguém se identifica, se sinta livre para perguntar!

Posso usar a palavra hermafrodita?

Não. Hermafrodita é um termo doloroso que é vastamente considerado um xingamento, por favor não use isso. É uma palavra estigmatizada que as pessoas associam com ter os dois tipos de genitállia funcionam, o que é raramente possível em humanos, se é que é possível. Algumas pessoas intersexo começaram a reutilizar o termo, mas é algo para eles decidirem e usar, não você.

Quais são outros termos que eu deveria saber?

Genitália ambígua - Genitália que não parece claramente "masculina" ou "feminina". No entanto, nenhuma genital parece a mesma, e a genitália de ninguém é "ambígua". São todas apenas genitais!

Dyadic*/Diádico - Algumas pessoas intersexo começaram a usar dyadic para descrever aqueles que não são intersexo (ou seja, eles se encaixam na binária "masculina" e "feminina")

Cisgênero - Quando a identidade de gênero de uma pessoa está de acordo com o seu sexo atribuído. Por exemplo, uma pessoa que tem o sexo atribuído como feminino ao nascer e se identifica como uma mulher é considerada cisgênero. Esse termo pode ficar confuso com indivíduos intersexo - alguns usam, outros não.

THS (Terapia Hormonal de Substituição) - Essa é uma ferramenta importante na caixa de ferramentas de uma pessoa intersexo. THS assegura que a saúde física e emocional de uma pessoa intersexo sejam propriamente mantidas. Se as necessidades de hormônio de uma pessoa (para coisas como desenvolvimento, regulação do corpo ou crescimento de ossos) não fossem suficientes, elas podem entrar em uma THS para descobrir quais são os melhores níveis hormonais para seus corpos. 

Consentimento informado - Esse termo é usado muito, especialmente quando se fala sobre cirurgias em pessoas intersexo. Basicamente, isso significa que ninguém deve ser operado sem ter o conhecimento completo das circunstâncias, repercussões, razões, etc. Por exemplo, bebês e crianças são muito pequenos para entender totalmente e dar um consentimento informado.

Pronomes preferidos - Muitas pessoas (intersexo e outras) não se identificam na binária de gênero, especialmente quando seus corpos não se alinham a uma típica caixa binária. Pergunte para a pessoa qual pronome ela prefere. Vão te amar por isso!

Quais são outros recursos para intersexo?

Nós temos uma crescente lista de recursos nessa página (em inglês). Por favor, confira a lista para mais informações sobre grupos de suporte e ajuda legal.

O que você pode fazer como um aliado?

Chamar atenção dos outros quando eles falam coisas prejudiciais. Ser nossos defensores quando puder, mas também nos dar a chance de educar sobre o assunto. Não fale acima de uma pessoa intersexo, porque as chances são de que nós somos muito mais familiares com essas questões do que você. Escute e tente entender nossas histórias, porque nós somos pessoas bem incríveis. :)

Está pronto para Agir? 

Assine para apoiar a AIC no caso do M.C. e saiba mais sobre esse caso importante envolvendo uma criança que sofreu cirurgia de normalização de sexo enquanto estava no orfanato. O caso M.C. é apenas um exemplo dos modos como as pessoas intersexo e suas famílias são machucadas por uma pressa para manter segredo e cirurgia irreversível. 




Notas de tradução - Intersexo no brasil

Antes de tudo, preciso comentar que eu mandei um email para o pessoal do Inter/Act para pedir a tradução e eles foram muito legais em responder. (:

1- O termo "intersexo", do inglês "intersex" praticamente não existe em português. Até começar a tradução eu não sabia se o melhor era intersexo ou intersexual ou se havia outra forma. O assunto é tão mal abordado no Brasil que eu acho que não existe uma tradução ou termo próprio em português. Eu acabei escolhendo usar "intersexo" e "pessoas intersexo" para descrever. Se você for intersexo e souber se existe um termo de preferência em português (ou como você prefere ser chamado), por favor me diga. 

2- É assustadora a falta de informações - médicas e do povo - sobre essas condições no Brasil. Pesquisando esses termos no Google (intersexo, intersexual, intersex e hermafrodita) eu me senti no programa do Ratinho, chega a ser desagradável. Aqui uma notícia séria sobre uma pessoa intersexo parece matéria do "Mundo Bizarro" - nós ainda temos aquela mentalidade de ver pessoas diferentes como atrações de circo. A falta de conhecimento sobre isso é tanta que você pode ser uma pessoa intersexo e não saber (sim, dependendo da condição isso é totalmente possível). E talvez nem o seu médico. 

3- "Termo guarda-chuva" ou umbrella term - Eu já vi isso tantas vezes para fazer o mês LGBT+ que eu peguei até trauma. Mas significa basicamente que é a palavra (no caso Intersexo), é um termo mais generalizado que está englobando diversas definições. Você pode ter uma diferença nos cromossomos, nos hormônios ou na genitália - são condições totalmente diferentes - mas todas estão unidas sob a bandeira "intersexo" - o termo guarda-chuva.

4- DSD (Desenvolvimento de Sexo Diferente) - Em inglês é DSD - Differences of Sex Development - que em uma tradução exata é Diferenças de Desenvolvimento do Sexo, mas eu fiz a inversão para manter a sigla DSD. Também não encontrei equivalente em português, mas descobri que em inglês DSD também é descrito como "Desordens de Desenvolvimento do Sexo" (Disorders of Sex Development), que por eles não terem escolhido se descrever assim, me fez pensar que parte da luta deles é mostrar que eles nasceram diferentes, mas não é uma doença ou uma deficiência, como muitas vezes é tratado na medicina. 

5- Androgen insensitivity syndrome* (AIS) - Em português eu encontrei "Síndrome Androgenital", mas não sei se é exatamente a mesma coisa. A maioria das condições descritas eu tive dificuldade de encontrar em português e as pesquisas começaram a ficar muito aula-de-biologia (e por questões pessoais eu quero ficar o mais longe possível de qualquer coisa que lembre a Biologia). No fim, eu acabei escolhendo deixar a maioria dos termos em inglês porque definitivamente você vai encontrar mais informações a respeito disso pesquisando assim.

6- Se você é intersexo/suspeita que seja, a primeira coisa a fazer é procurar um curso de inglês. Sério. Tá, é só uma brincadeira, mas as informações em português são muito poucas e para se orientar mais sobre o assunto (aliás, em inglês é muito fácil encontrar outras pessoas, como através do próprio Inter/Act). É algo sério, que afeta a sua vida e eu não sei se apenas os médicos no Brasil estão preparados para lidar com algo assim.

7- Dyadic*/Diádico - Em inglês é dyadic, em português a palavra "diádico" eu mal entendi se existe e se tem o mesmo significado. Principalmente porque esse significado de dyadic parece ser recente nos textos da comunidade intersexo. De qualquer forma, diádico parece uma boa alternativa em português e é uma sugestão para futuros textos sobre o assunto na nossa língua, que eu espero que apareçam.

8- Sexo atribuído - Eu percebi que eles têm a preferência de usar a expressão "assigned sex" (sexo atribuído) para descrever o sexo com que a pessoa nasce. A minha suposição é de que essa escolha é feita partindo da crença de que nós não nascemos com um sexo em si, mas temos esse sexo "atribuído" a nós quando nascemos. "São todas apenas genitais!" 

TAGS: , , , , , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

6 comentários

  1. Gostei do texto. O assunto é espinhoso e difiícil, pois muitas vezes (sou médica) o próprio paciente desconhece sua condição, e é bem complicado dizer a uma 'mulher' que ela não pode ter filhos porque ela é XY, ou seja, geneticamente homem. E tem as quimeras, uma situaçãos bizarra, pesquise, o CSI apresentou um episódio muito bom, o House também apresentou mas lá do jeiro desagradável dele - as quimeras são pessoas duas em uma, ou seja, seriam gêmeos, mas um absorveu o outro, e quando ocorre de o gêmeo abasorvido ser fraterno, ou seja, pode ser de sexo diferente...bem, o mundo do intersexo é para lá de interessante.

    http://soniareginarocharodrigues.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É complicado que as pessoas não sabem que existe algo além do considerado padrão de sexos, que os corpos podem existir de uma forma diferente, e principalmente que isso não é uma aberração. Quando fui pesquisar na internet em português pra escrever esse texto são umas coisas bem ruins e agressivas que aparecem. :( E achei muito interessante ver o seu relato como médica. Obrigada. :)

      Excluir
  2. Nossa, que complicado. Tava assistindo a série sem legenda e não conseguia entender a condição da Lauren. Até ler esse texto, estava convencida de que ela era transgênera. Foi muito esclarecedor, obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom saber que o texto ajudou <3 E foi por isso mesmo que eu traduzi - se você for ver, o Inter/Act é o site que a própria Lauren entra na série. E sabe de uma coisa? Percebi que fica muito mais fácil entender depois de um tempo. É só que o ser humano não tem só duas formas de corpos definida, ele tem várias, cada corpo é único. Mesmo que existam esses dois padrões mais comuns (considerado sexo masculino e sexo feminino), eles não são os únicos. E todos que nasceram com um corpo que não se encaixa nisso se unem sob o termo Intersexo.

      Transgênero é a ver com a idade de gênero em relação ao corpo, que é outra coisa.

      Obrigada (?) e parabéns por pesquisar pra saber mais. :)

      Excluir
  3. O que mais me impressiona é que estou no sexto período de psicologia e nenhum professor nunca falou disso. Tudo o que sei a respeito foi por conta de leituras por fora.
    Parabéns pelo texto,muito bem escrito.
    Abraços,

    ResponderExcluir
  4. Olá Dana, a sensação que tenho é de que és incrível. É de grande importância encontrarmos material como este. Parabéns pela iniciativa! Espero que possamos encontrar muito mais materiais com esta responsabilidade para aprendermos mais sobre este assunto.

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *