O que é book tour?

9.1.13Dana Martins

O que é book tour?

"O desejo do autor é que quanto mais o seu livro for lido melhor pra ele. Ele quer que sua obra seja realmente divulgada." - 0:33



Book tour é a prática de quem tiver o livro faze-lo circular entre um grupo de outras pessoas que querem ler o livro. A pessoa cria uma rota entre os leitores e eles vão passando de mão em mão até todo mundo ler (na maioria das vezes, o transporte é feito pelo correio).

Quem faz isso e por que?

A prática ficou comum entre editoras que querem divulgar um livro: eles fazem uma lista de blogueiros influentes e o livro passa de mão em mão. Em troca pela leitura gratuita, eles fazem a resenha.

Nos Estados Unidos, essa prática é muito mais comum e organizada por intermediários entre editora (ou autor) e blogueiros.

"Profissionais do gênero, que conseguem que blogueiros resenhem os livros, costumam cobrar o equivalente a R$ 20 mil por seis meses." 

Já no Brasil, a ideia foi incorporada por autores independentes que precisavam de um meio alternativo de conquistar leitores por um custo menor. Então os próprios autores fazem o contato com os blogs, reunindo uma lista de interessados e fazendo seus livros viajarem.

Algumas editoras também incorporaram, como modo de atingir mais leitores, mas o esforço esse para organizar acabou sempre sendo um impedimento.

Além disso, alguns blogueiros ou leitores fazem simplesmente pela vontade de divulgar um título querido - ou se autopromover, já que um book tour dura alguns meses e junta uma rede de pessoas.

Literatura viajando: Outras formas de fazer o livro circular

E o book tour não é a única forma entre leitores organizados pela internet que tentam ler mais e de graça.

Uma prática internacional é o Crossbooking, que é uma forma de book tour menos conectado. Qualquer um pode participar, em qualquer lugar. Basta encontrar um livro abandonado ou ler e abandonar um livro, também acompanhando em um site para atualizar e ver por onde o livro passou.

Há iniciativas corporativas criadas baseadas no Crossbooking, ou outras baseadas em trocas de livro como verdadeiras bibliotecas online. Chegam a surgir iniciativas particulares locais de troca de livros ou até de incentivo de produção cultural pela falta de alcance dos atuais mecanismos, como o Cooperifa. Curiosamente, a produção literária desse último já viajou para outros países e pouco se conhece dentro do Brasil.

Durante a pesquisa, a forma mais expressiva e ativa encontrada foi um grupo chamado de "Livros Viajantes" com mais de 3 mil participantes e um grande número de livros viajando ao mesmo tempo. Tudo feito sem divulgação e apenas por contato online.


Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

0 comentários

Posts Populares

INSTAGRAM