a culpa é das estrelas a invenção de hugo cabret

CCAwards parte 3: Os melhores livros de 2012

18.1.13Conversa Cult


Oi, senhoras e senhores! Estamos aqui com a terceira parte da grande premiação mundial de cultura jovem. Ou quase isso...

Se você chegou agora, o CCAwards é a nossa premiação simbólica para rever o que aconteceu em 2012 e tentar destacar os melhores (com a sua participação!). Na primeira semana falamos de filmes, na segunda falamos de músicas e hoje é dia de... LIVROS! Vamos ver o que esteve no tapete vermelho em 2012.

Para começar, como sempre, a SUA opinião! Juntamos uma lista dos maiores destaques no mundo dos livro e é só votar na enquete abaixo no seu preferido. Também pode comentar no blog se achar que algum está faltando. E é importante ressaltar que nos nossos indicados não precisam necessariamente terem sido lançados ou feito grande destaque no último ano, nosso critério foi o grau de importância deles dentro das nossas leituras.

Na sua opinião, qual é o livro que mais se destacou em 2012?

Qual foi o melhor livro/série de 2012?
50 Tons de Cinza
Morte Súbita
O Doador
Jogador Número 1
A Crônica do Matador do Rei
O Torreão
Eldest
Os 13 Porquês
Habibi
A Invenção de Hugo Cabret
Quando cai o Raio
Trilogia Millennium
Série Instrumentos Mortais
Série Divergente
Série Jogos Vorazes
Série Legados de Lorien

Vamos às opiniões e a escolha de cada um de nós da equipe:

>>>Dana: As Vantagens de Ser Invisível


- The Perks Of Being a Wallflower

- Livro Único
- Autor: Stephen Chbosky
- Editora: Scholastic Press
- Indicação [x]
- Livro vs. Filme [x]


Eu poderia falar Jogos Vorazes ou Cinquenta Tons de Cinza, mas sinceramente eu estou falando de Jogos Vorazes desde 2008 e o outro eu nem li, então decidi pensar um pouco mais. Minha decisão final foi As Vantagens de Ser Invisível, porque significa muita coisa ao mesmo tempo. É um livro de 1999 que caiu de paraquedas na minha vida no início desse ano e eu só fui ler lá pra junho, depois tivemos o filme e agora o Charlie's Booklist. Ou seja: presente o ano inteiro. Ele também significa várias outras coisas no contexto literário de 2012. Primeiro, aqui no Brasil todo mundo redescobriu o livro do nada. Segundo, ele entra na mesma categoria que "A Culpa é das Estrelas", desses livros contemporâneos que estão recuperando espaço no meio dos vampiros. E terceiro, porque sempre tem três, é um livro tão bom que facilmente conquista o prêmio de melhor. 

*A minha segunda opção seria A Culpa é das Estrelas.


>>> Igra: Um Dia

- One Day
- Livro único
- Autor: David Nicholls
- Editora: Intrínseca 

- Livro x Filme [x]


O melhor livro que eu li em 2012 foi Um Dia. Além de ser um livro muito (muito de novo, só pra dar ênfase) bom, é real demais, é visceral, dá pra ver as coisas acontecendo do seu lado porque isso tudo realmente pode acontecer do seu lado, inclusive pode acontecer com você. Eu não tenho palavras para descrever o quanto me apaixonei pela história. Eu me emocionei, fiquei com o coração da mão, me identifiquei muito com a Emma, e sei que muita gente também vai se identificar. Foi um livro que me atingiu além do que eu esperava, porque, por incrível que pareça, eu vi o filme primeiro (que também merece ser aplaudido de pé). Vai ficar pra sempre no meu coração. Eu achei que nem ia gostar tanto assim, de um modo geral eu renego os romances (já li Nicholas Sparks e não gostei, me julguem), mas a escrita do David me encantou muito, muito além do que eu esperava. E sim, são 20 anos, só duas pessoas, mas poderia ser apenas um dia, só uma pessoa.


>>>Paulo: A Culpa é das Estrelas


- The Faul in Our Stars
- Livro Único
- Autor: John Green
- Editora: Intrínseca
- Resenha [1] [2]


Nesse momento estou amando a Dana com todas as minhas forças, porque, como ela votou primeiro, não precisei escolher entre "As Vantagens de Ser Invisível" e "A Culpa é das Estrelas", os meus dois livros favoritos entre todos que eu li. Os outros livros que eu indiquei ("O Torreão", "Habibi", "Os homens que não amavam as mulheres" e "Os 13 Porquês") também são maravilhosos e foram ótimas leituras de 2012, mas um livro sempre fica mais marcado em mim se ele mexer com o meu emocional. E, bem, quem já leu ACEDE sabe que o livro te destrói e faz você ficar deitado em posição fetal chorando até morrer.

Não há nem muito o que explicar sobre minha escolha do tanto que já falamos dele aqui. Aliás, a aparição do John Green por aqui era mais do obrigatória, porque 2012 foi o ano DELE (hm, da literatura erótica também, mas deixa isso para lá). Foi nesse ano Green estourou de vez lá fora e finalmente fez sucesso no Brasil. Aqui no blog tivemos um book tour do livro e também uma especial de uma semana entre blogs, que fizeram muito sucesso. Mal posso esperar pela movimentação que teremos com os próximos lançamentos dele no Brasil.


>>>Ana Luíza: "A Invenção De Hugo Cabret"


- The Invention of Hugo Cabret
- Livro único
- Autor: Brian Selznick
- Editora: Edições SM

Nos últimos dois anos eu não li metade dos livros que eu lia em um ano e eu falo sério. Algumas coisas aconteceram na minha vida e eu perdi completamente a paciência para ler livros, infelizmente. Mas, sempre tem um ou outro que eu pego para ler e dou um jeito de terminar de ler, mesmo que demore meses.

Pois bem, isso aconteceu com os pouquíssimos livros que li esse ano, mas o que mais em encantou de todas as formas foi "A Invenção de Hugo Cabret". Eu li ele em um dia e eu lembro daquele dia. Foi uma terça-feira ensolarada, eu li indo pra faculdade, durante a faculdade e voltando da faculdade. Os desenhos, a história, os diálogos... Tudo me encantou de uma maneira tão... Tão... Eu não tenho palavras para descrever o que esse livro fez comigo. O único livro (saga) que tinha me deixado assim fora "Harry Potter" e quando eu tinha oito anos. E quem diria que anos depois um livro ia me deixar tão feliz...
Talvez isso aconteceu porque a história envolve cinema e é uma das artes que eu mais sou apaixonada (tanto é que eu faço faculdade disso), mas não sei...

O que eu sei é que o livro é tão emocionante quanto o filme. E vale muito a pena ler.


Ajudem-nos a escolher o quinto melhor livro de 2012! É só votar na enquete que está nesse post e também na barra lateral. 

TAGS: , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

7 comentários

  1. Escolha bem difícil! A Culpa é das Estrelas eu ainda não li, mas é incrível como ele está nos melhores do ano em quase todos os blogs. Estou bem curiosa, preciso lê-lo!
    Sou suspeita para falar, já que eu amo o Um Dia, foi uma leitura que me marcou muito. As Vantagens de ser Invisível eu lerei logo mais (ganhei numa promo! yey!), mas o filme me conquistou!

    Bjs
    Livro Lab

    ResponderExcluir
  2. Eu não consigo escolher o melhor livro que li em 2012... mas vamos lá.

    Foi nesse ano que li a trilogia THG, e como amo THG de coração, posso dizer que foi o meu melhor livro de 2012. Mas acho que não se enquadra como o "melhor de tal ano", pois é um livro que eu digo que sempre será o meu favorito, acho, até morrer.
    Acho que fico mesmo com "A Tormenta de Espadas" do mestre George R.R. Martin! As Crônicas de Gelo e Fogo é simplesmente a melhor fantasia que eu já li, e merece total destaque. Mas é o mesmo que THG. Até eu morrer eu vou dizer que "GoT" é uma das minhas sagas de fantasia preferidas.

    Mas pra esclarecer, acho que o melhor livro que li em 2012 foi Divergente. O livro me pegou de jeito, e acho que como foi uma das minhas últimas leituras do ano, o tomo como melhor pois eu realmente gostei! Não chega a ser como um THG da vida, mas os dois podem competir em termos de nível distópico.

    Mas que fique claro: entre todos os livros que li em 2012, os três acima são os que eu escolheria sem hesitar.

    ResponderExcluir
  3. Ah, vocês poderiam colocar a saga "As Crônicas de Gelo e Fogo"?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, eu esqueci completamente desse! Nem passou pela minha cabeça e é com certeza um dos maiores concorrentes. O ruim é que essa enquete pra mudar perderia todos os votos, não sei se vou conseguir colocar :/

      ~Dana

      Excluir
  4. Tem um problema na lista acho q já era, mas vcs colocaram Eldest, o segundo livro do ciclo a Herança q lançou a uns anos sendo q o q lançou esse ano foi Herança, O quarto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que coisa louca o_O Fiquei com o outro título na cabeça e nem me dei conta. Eldest é até o segundo livro, eu viajei sério. MUITO obrigada por avisar!

      Excluir
  5. OI GENTEEEEEEEEEEEE!

    Cheguei de viagem, enfim, e estou muito feliz em poder comentar aqui novamente. Fiquei 5 dias sem internet (!!!!!!!!!), mas felizmente estou vivo. E nem preciso perguntar se vocês sentiram minha falta, porque é óbvio que sentiram e - não.

    Enfim! 2012 foi um ano muito lindo, e é até difícil escolher algum destaque literário. E como vocês já disseram ACEDE e The Perks, fica ainda mais complicado. Pensei em "A Idade dos Milagres" (porque eu não paro de pensar sobre esse livro, deuses. Como pode ser tão legal?), mas eu li em Janeiro de 2013, então não vale (ou vale? Enfim).

    Acho que a escolha mais justa seria a trilogia Jogos Vorazes, que li no fim de 2012, pois abalou meus sentimentos profundamente e virou a melhor distopia que já li. Mas me sinto triste por escolhê-la antes de ver os próximos livros de Divergente... Mas... Hm. Ah! Escolho Jogos Vorazes mesmo. Embora não sejam livros tão novos, ganharam muita visibilidade ano passado e são realmente bons. Acho que merecem o CC Awards. (E eu vou parar de pensar se fiz a escolha certa antes que eu enlouqueça, AUHAUHA).

    Estou achando o CC Awards genial, espero que meus favoritos vençam.
    Parabéns pelo post!
    Abraços :D

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *