21 de dezembro apocalipse

Game Over: Por que o mundo vai acabar em dezembro? (Parte 1)

8.12.12Dana Martins


ATUALIZADO: Agora com maias explicando o calendário! Então, um novo mês chegou e temos um novo tema nas sextas. O que vamos falar em dezembro? O óbvio: fim do mundo. Os dois primeiros posts vão falar um pouco sobre "de onde surgiu essa história de fim de mundo" dividindo entre: Calendário Maia, crenças religiosas, numerologia, alienígenas e propaganda. Não adianta se preparar, o fim está próximo!

Eu, como qualquer pessoa minimamente informada (fiz os testes com os meus avós), sabia que o mundo ia "acabar" no dia 21 de dezembro. Sabia que isso tinha a ver com calendário Maia, ouvi falar alguma coisa sobre numerologia e já fui assustada por um papo de alienígenas que a mãe da Igra contou. Ainda assim, eu não sabia muito. 

A ideia de que o mundo vai acabar no dia 12 de dezembro é fundada em várias coincidências e - por que não? - marketing. Acho que tudo começou mesmo quando encontraram o calendário Maia que apontava para o fim do mundo nessa data.

Bem, isso até decidirem interpretar o calendário Maia direito. Se você nunca pensou nisso, o calendário deles não é igual ao nosso. Ele é feito de um sistema de vários ciclos que duram tempos diferentes. No nosso temos o dia, a semana, o mês, o ano, a década. Os ciclos deles não eram só por quantidade de horas e dias agrupados, era algo mais como* "a era do Sol" que dura (de acordo com o nosso) 3 anos e 93 dias até começar "a era da Lua". Agora imagine várias dessas eras medindo ciclos diferentes e pronto, está perto do calendário Maia.
*ATENÇÃO: Isso é um EXEMPLO, não estou dizendo que há uma era do sol no calendário maia.


Ciclo Lunar 13, quinto Sepetisto, templo das amélias, Era dos Cães. <- seria mais ou menos assim o cabeçalho deles. Muito mais ou menos, aliás, porque a língua e referência também são totalmente diferentes. É até impressionante que alguém entenda alguma coisa.

O tal "fim do mundo" previsto por eles era, na verdade, o fim de um desses ciclos que seria o maior. Talvez não tenham entendido que o calendário dá um reboot no fim dele (tipo no último dia do ano), talvez tenham saído correndo desesperados antes de terminarem de ver ou talvez seja marketing.

Para esclarecer a confusão, alguns maias (ou descendentes deles, né) foram explicar a situação:

"Trejo explicou que um baktun maia corresponde a um período de aproximadamente 394 anos, que, ao multiplicá-lo por 13 baktunes, resulta em 5.125 anos, ou seja, um ciclo completo. No calendário mesoamericano, este ciclo será completado no dia 21 de dezembro de 2012.
María Eugenia Loria, uma matriarca maia originária do estado mexicano de Iucatã, disse à agência Efe que o calendário maia foi criado com base na observação do movimento dos astros em períodos de um ano e em ciclos de mais de 5 mil anos." mais sobre mais explicando o calendário

Ou seja, no dia 21 de dezembro, o que temos (segundo os maias) é algum tipo de grande mudança. Ou um reinício. Pode ser que seja alguma mudança física, alguma mudança psicológica. Talvez o João descubra como nos fazer entrar na realidade virtual - não mudaria nossa vida para sempre? Seria o fim do mundo como nós conhecemos. 

MAS NÃO ACABA AÍ!

É claro que a história não acaba aí, precisaria de muito mais do que um autorzinho qualquer que pesquisa a vida dos Maias e a propagandinha do livro dele sobre o "fim do mundo" para causar tanta falação. 

A grande coincidência é que o conceito de "fim do mundo" já faz parte das nossas crenças, seja você católico ou ateu. Acho que parte de nós é egoísta demais e quer acreditar que se a gente morre o mundo também tem que morrer. Historicamente, quase todo lugar tem alguma crença sobre o fim do mundo. O apocalipse ou sei lá o nome que eles querem dar. 

Um mapa mundi do século XV. Mesmo que lá pra 1800 já tivesse um melhor, qual parcela da população o conhecia?

Nós também vivemos em uma época de grandes mudanças, globalização e uma noção do passado generalizada que não existia antes. O discurso ecológico de aquecimento global é gritado em nossos ouvidos desde que éramos bem pequenos. Não passamos um ano inteiro sem tropeçar em dúzias de "salve as baleias", "os golfinhos estão morrendo", "é o verão mais quente", "olha o furacão"... E essas coisas abalam a gente. 

Nós não sabemos se em 1345 o mundo mudava tanto quanto agora - ou se isso significa mesmo que estamos perto do fim. Mesmo que cientistas saibam, nós não sabemos. E é por isso que essa história toda afeta tanto a gente. Acredite se quiser ou não, mas muita gente sabe do "fim do mundo" sem nem ter ideia do que é calendário Maia. Ou da...

Numerologia!

Que você só vai ficar conhecendo semana que vem, porque eu sou mal, ou porque é a melhor parte. Talvez porque eu seja uma publicitária em formação, o que significa que eu sou muito do mal E deixo a melhor parte para o final. Vai saber... 

Se eles não estiverem errados e o mundo acabar antes mesmo da semana que vem, até lá!
- dana martins

TAGS: , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

2 comentários

  1. Oi Dana :D

    Adoro essas sextas temáticas e informativas! Aprendo muita coisa. Tipo esses ciclos do calendário maia, eu nem sabia que existia isso. A única coisa da qual eu tinha conhecimento era a de que, segundo eles, o mundo "acabaria" em 2012.

    Achei GENIAL essa afirmação de que os humanos são egoístas demais e acham que se a gente morre o mundo também tem que morrer. Faz tanto sentido isso. Porque não é justamente isso o que (supostamente) aconteceu com os dinossauros? O mundo não foi destruído por completo, apenas aconteceu uma catástrofe e, consequentemente, uma grande mudança nas formas de vida na Terra. Meu professor de geografia disse algo nesse sentido, de que o mundo (provavelmente) não vai acabar nem nada assim. O que vai acontecer um dia é que algo vai acontecer para que os humanos sejam extintos. Porém é impossível saber com certeza de como, quando e se podemos evitar que isso aconteça. Só o tempo pra dizer. (Tomara que a humanidade não acabe num apocalipse zumbi... *medo*).

    E POR FALAR EM APOCALIPSE ZUMBI...
    Parece que o livro "Apocalipse Z: Os Dias Escuros" está MESMO em extinção (pelo menos nos pontos de venda...). Falei com a editora Planeta pela página deles no facebook e me disseram que o livro está esgotado em todas as lojas e não há previsões de uma nova tiragem. No Estante Virtual, o único volume disponível sumiu. Estou vendo se rola comprar direto da editora, estou aguardando a resposta deles no facebook - mas acho que nem vai dar certo. Estou em pânico. Se alguém ver esse livro em alguma livraria ou sebo por aí, anota o telefone e me avisa, por favor. Obrigado.

    Bom, estou curioso pelo próximo post, eu nem sabia dessa da Numerologia D: *medo²*
    Enfim. Parabéns pelo texto o/
    Abraços (:

    ResponderExcluir
  2. Nem acredito nesse tal de fim do mundo predito... sim, como evangélico, acredito que terá sim o fim do mundo, mas saber quando é é idiotice. O que você vai fazer se descobrir que será amanhã o fim do mundo? Vai começar a tratar os outros melhor, fazer coisas que nunca iria fazer... isso é ser egoísta ao extremo, pois você tem que fazer tudo independente de que seja fim do mundo ou não. E quando isso acontecer, o tempo e a hora pertencem a Deus. Esse negócio de calendário maia não tem a ver com o fim do mundo. Talvez os ciclos terminem e eles se reiniciam, começa tudo de novo, mas isso não quer dizer que alguma catástrofe vai acontecer... o que importa não é saber o fim do mundo, mas estar preparado para ele. A data é mero detalhe. Esse pessoal que se diz profeta apocalíptico, cientista, sei lá, deveriam se importar com coisas melhores, e não saber quando será o fim do mundo, pois saber não é preparar-se, e preparar-se como? Como você se prepara para um fim do mundo, se pelo o ques eles dizem, nem sabem o que acontecerá?...

    ótimo post Dana, e ansioso para a segunda parte... :D

    Abraços, Joshua Guimarães

    OBS: Comprei e tô lendo "Divergente" e gostando muito! \o/

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *