CCIndicação CCLivros

[Indicação] Paper Towns, de John Green

26.8.12Paulo V.

por Paulo V. Santana e Dana Martins


Na resenha que eu fiz que "A Idade dos Milagres", falei de uma "subdivisão" de gênero muito comum nos livros Young Adult Contemporâneo, o Coming of Age. Me pediram para fazer um post indicando livros nesse estilo, porém eu mesmo não li muitos. E eis que, pensando sobre qual livro falar no post de hoje, lembrei de "Paper Towns" (Cidades de Papel), um dos maravilhosos livros do John Green.



Informações:
Cidades de Papel / Paper Towns
Autor: John Green
Editora: Dutton (EUA)/ Intrínseca 

"Paper Towns" é o terceiro livro solo do John Green e, como vocês devem saber, eu e o resto da equipe adoramos o autor. Você pode encontrar aqui resenhas de "A Culpa é das Estrelas"/"The Fault in our Stars" e posts do especial #CulpaDoJohnGreen.

Na minha opinião, todo mundo tem seu milagre. (...) Mas meu milagre foi o seguinte: de todas as casas em todos os condados da Flórida, eu era vizinho de Margo Roth Spiegelman.

Sobre o que é?

Quentin Jacobsen – ou simplesmente Q - sempre foi apaixonado por Margo Roth Spiegelman, uma garota fantástica, linda e, hm, misteriosa. Os anos se passaram e, ao chegarem ao último ano do ensino médio, Q não tem mais o mesmo contato que tinha com Margo quando eram crianças. São quase como a popular e o excluído. Pelo menos até uma noite em que Margo aparece na janela de Q com uma missão especial.

Depois de uma noite cheia de aventuras*, um novo dia começa e Q descobre que Margo desapareceu e deixou pistas para ele e, bom, se ele quer encontra-la, vai ter que desvendar esse mistério.
*leram isso com a voz do locutor dos comerciais da Sessão da Tarde, né? Hahaha

Por que é bom ler?

Se alguém me perguntasse isso, eu automaticamente responderia “Porque é do John Green”. Alguns de vocês podem achar os elogios ao John Green chatos e repetitivos, mas “Paper Towns” é maravilhoso. Não lembro quem foi que disse isso, mas o John Green não escreve livros, escreve experiências. Os livros dele conseguem chegar muito próximos de nós, leitores, e, assim como os personagens, amadurecemos durante a leitura.

Nesse livro, o John volta com o “garoto-perdido” e a “menina-dos-sonhos” de “Quem é você, Alasca?” e por mais que existam, sim, algumas semelhanças na estrutura de ambos, você consegue sentir as histórias e as particularidades de cada uma delas.

Outro ponto alto dos livros do John são os personagens “secundários”. Tenho que confessar que em Alasca e Paper Towns os protagonistas não são pessoas com as quais você gostaria de conviver, porém os amigos deles conseguem te fazer morrer de vontade de tê-los como amigos. Ben, Radar e Lacey são fantásticos. Sério, nos últimos capítulos principalmente eu fiquei morrendo de vontade de [spoiler] fazer uma road trip com eles [/spoiler].

“Paper Towns” é um livro que traz para o YA contemporâneo uma certa dose de mistério e investigação. Eu realmente gostei do livro e se “A Culpa é das Estrelas” não existisse, seria o meu livro favorito do John. Indico para todos que gostam do estilo ou para quem quer sair dos livros YA mais simples e passar para uma leitura que te faz refletir mais.


Dana aqui! - Leia, mas não por ser do John Green

Eu falei TANTO desse livro durante a semana do John Green (e antes e depois dela) que eu tinha que deixar meu comentário aqui. Esse foi o primeiro livro do John Green que eu li e, na época, não fazia ideia de quem ele era. Foi algo como: "Estou para fechar uma compra de cds na Amazon! Quero levar algum livro que eu não conheça pela experiência!" - Amazon indica Paper Towns, eu gosto da capa e coloco no carrinho. O nome já parecia muito interessante e eu fiquei curiosa para conhecer.

Eu gostei tanto desse livro que depois não quis ler mais nada do John Green (falta de lógica 1x0). Paper Towns é novamente o John Green criando uma história tangível aos leitores e passando várias camadas de reflexões sobre a vida. Mas o que eu mais gosto é que ele transforma tudo em um clima de "amigos desvendando um mistério", fazendo a leitura ficar leve e divertida.

Quis comentar isso porque alguém podia passar direto tipo "tá, é um bando de fã cego do autor". Não é bem assim, essa história apareceu do nada e me conquistou completamente. Indicado principalmente se você estiver naquele momento de "reflexões sobre a vida" (aka: o que eu faço agora?). 

Vai ter filme de Paper Towns?

Assim como os outros livros do John Green, "Paper Towns" também tem os seus direitos vendidos - nesse caso, a detentora deles é a Mandate Pictures (a mesma de "Juno"! <3). O próprio John escreveu o roteiro, mas a produtora resolveu não fazer o filme.

SIIIIIIM.  De quando postamos essa resenha pra cá muita coisa mudou, uma delas é que o filme de A Culpa é das Estrelas fez sucesso e outra é que já fizeram o filme de Cidades de Papel.


---

Chegou até o fim e ficou com vontade de ler o livro? Participe da nossa promoção de 1 ano, você pode ganhar esse e qualquer outro livro do John Green (além de concorrer a outros prêmios)! :D Mas fiquem atentos, a promoção vai só até o dia 31.

TAGS: , , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

13 comentários

  1. Olá ♥

    Vocês sempre falam tão bem desse livro D: Dá muita vontade de ler! Pena que vou ter que esperar sair em português ou até eu ficar fluente na leitura inglesa... ):
    Espero mesmo poder ler "Paper Towns", porque finalmente estou começando a entender a paixão de vocês pelo John Green o: Tipo, comecei a ler "A Culpa é das Estrelas" hoje, E EU ESTOU AMANDOOOOO! Só deu tempo de ler 25% do livro, mais ou menos... mas a narração, os personagens, a história... nossa, é tudo incrível! Estou super ansioso pra poder acabar de ler *-* Quando eu terminar eu digo o que achei :D Gente, sério, obrigado!

    Abraços o/
    João :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma das maiores qualidades do John é a narrativa mesmo. E o incrível é que ele consegue encher o livro de frases de impacto e não ser um livro tendencioso e pedante. Olha, pelo sucesso que ACeDE está fazendo, acredito que a Intrínseca não demore para lançar mais John Green. Eles devem estar querendo deixar ACeDE "na boca do povo" por mais tempo, mas eu acredito que no primeiro semestre lancem um livro novo. Porém, acho que eles vão lançar na ordem, então "An abundance of Katherines" deve sair antes porque é o 2º livro dele e tal.

      - Paulo

      Excluir
  2. Ainda não tive a oportunidade de ler John Green, sim acho que sou a única na terra.. mas A Culpa é das Estrelas está na minha lista de próximas leituras e Quem é você, Alasca? entrou recentemente.. agora tenho mais um para a minha lista AHSUAHSUAHSU Obrigada pela resenha, preciso urgentemente conhecer o autor e entender porque todo mundo fala tão bem.. beeijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, o que está esperando para começar? HAHAHHA Aproveita que você pode ganhar qualquer livro do John Green na nossa promoção de um ano! E, se não conseguir, vale a pena comprar ACeDE porque é barato. :)

      Obrigado pelo comentário!

      - Paulo

      Excluir
  3. PAPER TOWN será, sem dúvidas, o terceiro livro do John que lerei (o primeiro foi Alasca e o segundo TFiOS), já estou apaixonada pela história, culpa de vocês!

    Beijos

    Ana Caroline
    Nosso Clube do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que está gostando, Ana! John Green é maravilhoso mesmo, haha.

      - Paulo

      Excluir
  4. Terminei de ler ACEDE semana passada, e no fim da leitura eu tinha apenas uma convicção: John Green tem um novo fã.
    Céus! O cara escreve mto bem. Estou ansioso por ler outros livros dele.
    Me parece que a premissa de "paper towns" é mais interessante que a de "quem é vc alasca?"...
    Mas aí vem a pergunta: qual nível de ingles é preciso ter para ler "paper towns" numa boa? Será que meu upper intermediate meio enferrujado dá conta do recado(tendo em vista que nunca li um livro em inglês)?
    Abraços,
    Alexandre
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem como não gostar do livro, haha. \o/

      Hm, não sou a melhor pessoa para responder sobre nível de inglês porque não leio muitos livros na língua, mas acho que é mediano. Já vi gente dizendo que os livros dele são de médio/difícil, mas acredito que dá para ler numa boa. Acho que o maior problema são alguns termos, mas sempre que fico com dúvida em algo o Urban Dictionary me salva. :P

      Qualquer outra dúvida é só falar!

      - Paulo

      Excluir
  5. Que legal! Nunca tinha visto. Sou doida para ler livros dele e até hoje nada. Acho que vou comprar o novo heim...Adoro os livros dele, só por resenhas que vi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena ler! Super recomendo. :D (e você pode ganhá-lo na promoção de aniversário, olha lá! \o/)

      - Paulo

      Excluir
  6. Ainda não tive a oportunidade de ler nada do John Green. A Culpa é das Estrelas foi o que mais me chamou a atenção, mas a história é real demais para mim e eu ainda não estou pronta. Paper Town entrou agora na lista como uma história mais viável para o momento.
    Tks pela dica ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hm, todos os livros do John Green são bem reais, mas acho que entendo o que você disse em relação à ACEDE. É, por conta do tema tratado e as implicações que ele causa, realmente é um livro mais forte. Porém, Paper Towns e os outros são tão reais quanto. Se você quer algo mais descontraído, recomendo "An Abundance of Katherines" que é o mais leve de todos.

      Obrigado pelo comentário! :)

      - Paulo

      Excluir
  7. Meoo, John Green tá bombando e a cada resenha que leio sobre ele, fico mais curiosa... ._. Comprei já a minha edição de "A Culpa é das Estrelas", espero ler em breve! :)

    Mas agora tbm fiquei curiosa pra ler esse! *-* Vou participar da promo, hahaha! (não tô de brimques)

    bjs. adorei a indicação! :D

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM