caixa carta

[Resenha] Why We Broke Up, de Daniel Handler

30.5.12Conversa Cult

por Elena Bessa (colaboradora)*

- Livro: Why We Broke Up (No Brasil: Por Isso a Gente Acabou)
- Livro Único
- Autores: Daniel Handler (romance) e Maira Kalman (ilustrações)
- Ilustradora: Maira Kalman
-Editora: Little, Brown Books for Young Readers (No Brasil: Cia. das Letras)
- Comprar: Amazon, Book Depository
- No skoob







Mini-crítica: 
Livros que falam os motivos que levaram um casal a ficar junto... Bem, são bem comuns. Já livros que falam sobre as razões que levaram, uma por uma, ao término de um namoro, nem tanto. Mas essa temática incomum é algo um tanto característico do Daniel Handler, que é autor também de Desventuras em Série. Why We Broke Up conta a história do curto romance de Min e Ed, e de todos os motivos que os levaram a terminar - mas a ficar juntos também. Acompanhamos essa história através da letra da própria Min, que termina com Ed através de uma carta, que envia junto com uma caixa contendo várias coisas que guardou durante o namoro dos dois... Um livro adoravelmente simples e extremamente cativante.

Quer saber mais? Clique abaixo para conferir a resenha completa.
This is the box, Ed.
Inside is everything.
Two bottle caps,
A movie ticket from Greta in The Wild,
A note from you,
A box of matches,
Your protactor, (…)
And the rest of it.
This is it, Ed.
The whole story of why we broke up.
 
Why We Broke Up, como dá pra perceber pelo título, não é uma história sobre o amor – é sobre o término de um. É sobre o término do namoro de Min Green e Ed Slarteron, dois estudantes do mesmo colégio e que, após conversarem um com o outro numa festa, começam um namoro que dura algumas semanas, mas intenso o suficiente para que Min consiga juntar dentro de uma caixa vários itens significativos sobre o período em que ficaram juntos: desde caixa de fósforos a brincos que foram presentes de Ed. É um gesto bem romântico, criar essa coleção de ‘itens pessoais preciosos’ e eu conheço muita gente por aí (inclusive eu) que já teve ou tentou manter uma coleção dessas, como pequenos tesouros...

Mas, tão comum quanto tentar manter uma caixinha de recordações, é o término de uma relação. E, para terminar com Ed, Min resolve fazer isso na forma de uma carta, descrevendo item por item os objetos que preenchem a tal da caixa, que ela resolve devolver pra ele. Cada capítulo do livro é, justamente, a descrição de um dos itens da caixa, acompanhados dos desenhos LINDOS LINDOS LINDOS deles, da história do romance entre os dois, e de todos os motivos de por que eles acabaram.

O principal motivo que me fez querer ler Why We Broke Up é o fato de ele ter sido escrito pelo Daniel Handler, o nome verdadeiro de Lemony Snicket, de Desventuras Em Série. Ao mesmo tempo em que eu tinha uma expectativa muito grande quanto ao livro por causa do autor (Desventuras em Série!), a história de Why We Broke Up, sobre um término, parecia um tanto simples em comparação aos treze livros muito complexos que são Desventuras... E bem, ler comparando assim não é uma boa ideia, principalmente porque os dois são realmente diferentes mesmo.

Mas um elemento que o autor traz de Desventuras e tem em Why We Broke Up é o da pura e simples ironia. Quem leu DeS já sabe que em todos os livros o Lemony Snicket está lá, tentando convencer o leitor a largar o livro porque a história dos irmãos é triste demais. E, na história do término de Min e Ed, a cada capítulo que passava, quando a história dos dois ia sendo contada, eu me via lá, torcendo para que os dois, tão bonitinhos, poxa, ficassem juntos no final. Mesmo que a cada capítulo, a Min dizia mais e mais motivos que o fizeram terminar.

Porque é envolvente mesmo – a história de um romance adolescente, aquilo pelo qual todo o mundo passa algum dia, desde o primeiro encontro, primeiros beijos, a descoberta dos sentimentos, tudo sempre acompanhado dos itens da caixinha de Min, que só fazem com que o leitor se envolva mais com a história do livro. Aliás, a própria Min foi uma das coisas que eu mais gostei no livro inteiro. Ela é uma personagem tão cativante de um jeito tão simples, com aquele seu jeito de ser, com aquela sua paixão por filmes que ninguém conhece, e que na realidade, não existem.

Why We Broke Up é um livro extremamente poético, e isso foi outra das coisas que eu mais gostei nele. Poético no sentido de que há partes, capítulos pequenos onde dá vontade de grifar aquelas frases e partes preferidas do livro, dá vontade de anotá-las num caderno à parte, ou simplesmente ler tantas vezes até decorá-las, porque quem nunca passou por aquilo que Min e Ed estão passando, um término de um namoro adolescente, quando tudo parecia tão certo e tão longe dos problemas?

Classificação:
(4/5 conversinhas) 
Eu dei quatro e não 5, porque... Bem, sou bem exigente para dar a nota máxima para um livro. Why We Broke Up é lindo demais, mas não é muito, digamos, “genial”, e apesar da história ser sobre um término, não me comoveu tanto no final quanto eu achei que fosse comover, pra um livro com esse tema...

*Elena Bessa, 18 anos, fangirl, shipper e viciada em livros e internet. Precisa estar constantemente viciada em alguma coisa (ou mais) para ser feliz. Alguns dos hobbies são se apaixonar por personagens fictícios e torcer por casais que não existem. Encontre-a no Twitter.

TAGS: , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

3 comentários

  1. Fiquei louca para ler. Achei a ideia tão legal.

    Entrou na lista de desejados.

    Beijos,

    Carissa
    http://artearoundtheworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adoro livros com ilustrações e adorei a ideia desse livro. Você disse que não é uma história de amor, mas de certa forma acho que é sim a história de um amor que já acabou. Gostei muito dessa capa, do jogo da imagem da xícara que vai se quebrar na queda com o título original.

    ResponderExcluir
  3. esse livro vai virar filme também né? com a Hailee Steinfield!

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM