2012 CCFilmes

Indicações para quem procura um 'empurrãozinho'

27.1.12Conversa Cult

 "Para o primeiro mês do ano, nós decidimos aproveitar as sextas temáticas com aquilo que todo mundo deseja nessa época (amor, felicidade...). A cada sexta nós vamos nos juntar e criar um post com indicações em FilmesSériesLivros e Música dentro desses temas."
E enfim chegamos à última sexta do mês... Para essa semana a ideia era no estilo "kinder ovo", cada um escolhe o próprio desejo e o leitor vai descobrindo conforme lê. Porém, acabou que todo escolheu um tema parecido. A Igra pegou esperança, o Paulo quer realizar os sonhos, eu (Dana) fiquei com inspiração e a Rebeca quis paz. No final, as indicações ficaram voltadas para quem precisa daquele "empurrãozinho" para fazer o que quer. Bem, acho que já está mesmo na hora das coisas começarem a acontecer em 2012.


>>>Filmes (por  Igraínne Marques)

Selecionei alguns filminhos, para que durante o ano todo, a gente possa sempre contar com a esperança diante dos nossos problemas. Provavelmente vocês já ouviram falar da maioria desses filmes, alguns mesclam um pouco mais de romance, outros nem tanto...  Para falar a verdade, a maioria faz com que a gente se emocione tanto ao ponto de nos debulharmos em lágrimas... de felicidade.

Para começar, separei um que foge um pouco da realidade atual, mas mesmo assim o clima não fica menos emocionante por causa disso. "O Conde de Montecristo" é uma história de fé, esperança e luta contra injustiças, além de ser uma bela maneira de se mostrar como somos capazes de dar a volta por cima. E para quem não sabe, o filme é adaptação de um livro, assim como "Comer, Rezar e Amar", que esteve nos cinemas faz pouco tempo e teve a Julia Roberts no papel principal. Ainda entre esses mais recentes (talvez nem tanto), temos "A pequena Miss Sunshine", que chegou a ser premiado pelo Oscar e é verdadeiramente um incentivo aos grandes sonhos.

E tem aqueles atores que sempre parecem estar presentes nesses filmes que renovam nossas esperanças. Will Smith meio que combina com esse tipo de papel, todo mundo precisa concordar. Sua presença em "À procura da felicidade" emocionou a todos, afinal ninguém melhor para contracenar com um pai do que o próprio filho, não é?

Além disso, ainda temos os que puxam nossos ares românticos sem perder a pitada de esperança crucial no desfecho. "Chocolate", com o querido Johnny Depp, tem romance, bastante comida e mesmo assim não deixa de ser um drama muito bonito (mesmo). Outro que também nos leva pelas linhas do amor é "O Som do Coração", uma linda história que nos faz ter vontade de cuidar do pequeno Freddie Highmore, de tão fofo que ele é - fora que a trilha sonora é realmente impecável.

Para terminar, temos "As coisas que perdemos pelo caminho", onde percebemos que o mundo é bem mais amplo do que os nossos problemas que parecem insuperáveis (mas não são); E "O Livro de Eli", que surpreendeu muita gente com aquele final que nos fez questionar nossas prioridades - e religião.


>>>Séries (por  Paulo V. Santana)

Todo mundo tem seus próprios desejos no inicio de um novo ano, eu tenho um "fixo" - o de realizar meus sonhos. Poder fazer o que sempre quis é maravilhoso, mas sempre é bom ter uma "ajudinha", algo para motivar, né? Que tal assistir séries para se inspirar?

Acho que o exemplo mais marcante são os reality shows. Quem nunca se sentiu inspirado e confiante ao ver uma pessoa que tem o mesmo talento que você conquistando seus sonhos? Para quem curte cantar e sonha em ser famoso, nada melhor do que assistir ao "The X Factor" (tanto o britânico quanto o americano) e até mesmo o "American Idol" (ou a versão brasileira, Ídolos), né? Se o que gosta mesmo é ficar na produção, o "Platinum Hit" é uma competição de compositores. Mas para quem quer mesmo é ser modelo vale a pena é assistir ao "America's Next Top Model" e ao "Brazil's Next Top Model". E se você sonha em ser um chef, "Top Chef" e "Kitchen Nightmares".

Já que falei de quem sonha em ser famoso por sua voz e suas músicas, também tenho que indicar isso na ficção, né? Entre elas, "Glee" (onde os alunos da escola William McKinley lutam e sonham em reerguer o Glee Club) é a minha maior recomendação. Também posso indicar séries mais infantis, como "Hannah Montana" e "Sunny entre Estrelas".

Saindo do mundo musical, indico "2 Broke Girls". A série já foi indicada no post de felicidade, mas ele também entra na indicação de hoje. As protagonistas - Max e Caroline - trabalham duro para realizar seu sonho, o de ter uma loja de cupcakes. E mesmo que em algumas séries não sejam focadas nos sonhos de seus personagens, eles sempre estão lá. "One Tree Hill" (Lucas Scott, o protagonista, sonha em ser jogar de basquete) e "The Big Bang Theory" (Penny sonha em ser atriz/cantora) são bons exemplos.
*pensei em indicar "Gossip Girl" e "Hart of Dixie", mas tem gente que sonha e em certo momento desiste, então nem rola, né?


>>>Livros (por  Dana Martins)

Eu não sabia muito o que escolher, mas decidi que inspiração é algo legal. Hoje mesmo, escrevi 3 posts e planejei outros, esse ano quero entrar no NaNoWriMo (cadê a criatividade?)... Nada melhor do que desejar inspiração para 2012, né?

Para começar, os livros de inspiração "explosiva", aqueles que quando a gente termina escreve uma bíblia em seguida. Isso é bem particular, mas vale citar os que me causaram isso. O mais recente foi "Ainda não te disse nada", do Mauricio Gomyde. Acho que é o clima da personagem indo atrás do que quer que fez isso. Outros que repetiram o feito foram "O Reverso da Medalha", do Sidney Sheldon, "A Febre Starbucks" e "A Bússola de Ouro". Repare que foram livros diferentes que causaram o efeito, mas todos me deixaram com vontade de escrever.

Mas, como eu disse, esses são bem particulares. Normalmente, para quem está perdido e com bloqueio, é bom sempre relaxar e ver algo diferente (na maioria das listas de "como ter criatividade" é indicado sair do padrão), então depende muito de quem é que quer inspiração. Vou indicar alguns que trouxeram algo novo para mim e que costumam ser fontes de assunto. O primeiro deles é "Destino", da Ally Condie, que por mais que seja um livro que eu não tenha gostado muito de ler, é o que sempre acaba parando nas minhas discussões. Em parte, porque serve para refletir a própria vida ("eu aqui reclamando e a garota não escolhe nem o que vai comer") e, em parte, por causa da sociedade que cria (o lugar que era para ser utópico se mostra bem distópico...).  Outro livro é "A Passagem", do Justin Cronin, que é indicado para quem precisa de uma ajudinha na hora de criar uma boa trama. "Neuromancer", do William Gibson, também entra na lista (esse serviu de inspiração até para os filmes Matrix), o mundo criado é gigante e surpreendente, ainda mais se você considerar que foi lançado em 1984. "Lugar Nenhum" do Neil Gaiman, que eu acredito que nem preciso explicar o motivo. E para fechar a lista: "Os 13 Porquês", porque ser narrado através da gravações é uma ideia muito boa e o autor conseguiu fazer um livro quase que atemporal.

Agora, se você não escreve, não pinta, nem tem nenhuma relação com o lado artístico e quer mesmo é uma inspiração para própria vida, uma boa forma é buscar a biografia de alguém famoso dentro da sua área, porque sempre acaba animando ver a história de alguém que chegou lá. Eu não li muitos desse estilo, mas lembro de que "O Discurso do Rei" (esqueça o filme, é quase um aula sobre a vida do médico e do rei) no início foi um pouco assim. Fora isso, também indico você voltar e ler sobre as séries, porque o Paulo preparou um para quem quer realizar os sonhos em 2012.


>>>Músicas (por Rebeca Chaves, convidada)
Agora você pode ouvir direto as músicas! É só clicar aqui e já ir ouvindo enquanto lê, ou sempre que precisar de uma trilha sonora para relaxar.
É verdade que uma pitada de emoção deixa a vida mais movimentada, mas certamente momentos de tranquilidade são muito bem vindos. A playlist de hoje vai ter basicamente músicas que relaxam e ajudam a fugir do estresse do dia a dia, feita especialmente para quem deseja ter paz com um toque de felicidade.

A primeira indicação de hoje é "Mr Hawking", de uma banda pouco conhecida (até por ser bem recente) chamada General Ghost. É uma música bem suave, muito boa para se ouvir deitado na cama até pegar no sono (não por ser entediante, mas por ser bem relaxante). Outra música que cai bem para esse tipo de momento é "Rainbow Connection" (do Weezer com participação da Hayley Williams), que faz parte da trilha sonora do filme Muppets.

Ainda entre as mais lentas, indicamos "Nothing But a Song", do brasileiro Tiago Iorc, ótima para quem não abre mão do bom e tradicional violão. Outro músico que tem ótimas músicas no violão (e que até serve de inspiração para Iorc) é John Mayer, tendo espaço na nossa seleção com a música "Who Says".

Se você está sentindo falta da presença feminina, não precisa se desesperar. Provando que as mulheres também sabem fazer boa música (e tocar violão!), a segunda colocada no reality show "The Voice", Dia Frampton, tem lugar garantido no nosso coração com "Trapeze". Mas se você prefere plural, Madi Diaz pode ser uma boa opção. Mas se você prefere plural, Madi Diaz pode ser uma boa opção. Ouça "Johnny" que é bem tranquila e boa de ouvir.

Continuando com os vocais femininos, temos uma música um pouco mais animada da banda He Is We, "Everything You Do". Você ainda pode aproveitar e emendar o nome da última indicação com a letra da próxima, "Can't Stand It" do Never Shout Never, uma das músicas mais fofas cute cute que eu já ouvi. Outra banda que vale a pena ser citada é a A Rocket To The Moon, que em março estará no Next Generation Fest em terras brasileiras. Na música "When I'm Gone", eles abusam do ukulele e trazem aquela pegada havaiana bem calminha e legal de ouvir.

Falando em Havaí, quem vai finalizar a nossa playlist de hoje é o havaiano que está super em alta por aqui nas últimas semanas. Ouça "The Lazy Song", do Bruno Mars, porque não há nada melhor para relaxar do que... realmente jogar tudo pro alto e ficar só aproveitando como quiser. E paz não é uma boa tranquilidade?

Que esse ano seja no estilo kinder ovo: muito bom e com surpresa. Por esse mês é só, pessoal. 

<<<Indicações para quem procura emoção

TAGS: , , , , , , , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

3 comentários

  1. Filmes:

    Assisti todos, com exceção de, "Comer, Rezar, Amar", "As coisas que perdemos pelo caminho" e o "Livro de Eli"
    O filme "Chocolate" é uma delícia! *.*

    Séries:

    Estava assistindo "Glee", mas parei na segunda temporada. :/

    Livros:

    Quero ler "A Bússola de Ouro", pq vi o filme e fiquei curiosa pra saber a continuação.

    Músicas:

    Não conheço as citadas, mas vou pegar a dica e ouvir.

    Bjs ;)

    ResponderExcluir
  2. Quaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaantas recomendações :D
    Só tem uma que eu "discordo" e discordarei sempre, que é o filme do "Conde de Monte Cristo". Se você assisti-lo isoladamente, até dá para pensar: "que bonzinho o Dantès", "que bonito", mas eu, como fã número da obra original, acho o filme um saco e Dantès está longe de ser um cara bonzinho e sem qualquer falha de caráter...ele é tão humano <3 E perfeito! ENFIM ahhaha! :D

    E sobre Jane Eyre: leia o livro antes, ele é MUITO BOM! Até porque o filme tira algumas partes importantes (justamente por ser filme, né? Não dá tempo), então eu recomendo a leitura antes de ver qualquer adaptação!

    GRANDE BEIJO!!

    Ps: O Fassy é bom demais, tá em todos os filmes...tô com a filmografia dele quase completa aqui em casa hahaha!

    ResponderExcluir
  3. Quantas recomendações MARAVILHOSAS!
    Já vi praticamente todos os filmes indicados e entre as séries só assisto 2 Broke Girls.
    Mas nossa, recomendações PERFEITAS!

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM