CCSecreto direita

CCSecreto: Ideologia de Direita e Esquerda

26.7.16Eduardo Ferreira


Uma das maiores razões por eu querer participar do CCSecreto foi a ideia central de sair da minha zona de conforto e escrever sobre algo complemente diferente do que eu estou acostumado. O tema que me foi dado faz isso melhor que qualquer outro.


Quando eu entrei no site do amigo secreto para ver o meu tema o que encontrei foi algo parecido com isso:

"o espectro político de direita e esquerda, se consegui pode falar ainda das suas ramificações EXTREMA-ESQUERDA | ESQUERDA | CENTRO-ESQUERDA | CENTRO | CENTRO-DIREITA | DIREITA | EXTREMA-DIREITA. O objetivo não é uma questão partidária, e sim de entendimento ideológico."

Eu só conseguia pensar em uma coisa: SOCORRO
Depois eu achei que fosse brincadeira porque parecia um tema de TCC.
Depois eu percebi que não era brincadeira.
E eu só conseguia pensar: ME SALVA

Por que isso?
Porque eu não chego nem perto de ser a melhor pessoa para falar sobre esse assunto.

Bem, eu demorei muuuuuito pra me interessar por política. Durante todo meu ensino fundamental e médio a única ponte entre a política e Eduardo eram as aulas de história que foram assombradas pela incapacidade de ter um(a) professor(a) com uma didática descente que me fizesse ficar interessado pela matéria.

Tenho certeza que se nessa época alguém me perguntasse se eu era de direita ou de esquerda eu responderia que era destro só para fugir da pergunta e não perder a piada.


Foi só alguns anos atrás que eu me vi me interessando mais e percebendo que eu devia ter uma cara-de-pau muito grande por nunca ter tido vergonha de falar que não me interessava por política.

É por isso que eu tentei fazer esse texto de uma forma mais dinâmica tentando explicar (sem tomar lados) o que diabos realmente significa ser de direita ou de esquerda (e destro também, se for necessário).

A Origem:

Tudo começou nas assembleias francesas do século 18, onde a burguesia foi atrás da ajuda dos mais pobres para diminuir os poderes da nobreza e do clero. Na época existia a Assembleia Nacional Constituinte que foi montada para criar a nova Constituição. Nessa Assembleia, as camadas mais ricas não curtiam a presença dos pobres e por isso sentavam-se no lado direito.


Por isso o lado esquerdo foi associado à luta pelos direitos dos trabalhadores e o direito ao conservadorismo e à elite.


O que isso significa hoje:


A Esquerda: 

~ Favorece o controle da economia ao Estado e a interferência ativa do governo em todos os setores da vida social. 

~ Coloca o ideal igualitário acima de outras considerações de ordem moral, cultural, patriótica ou religiosa.

A Direita:

~ Favorece a liberdade de mercado, defende os direitos individuais e os poderes sociais intermediários contra a intervenção do Estado.

~ Coloca o patriotismo e os valores religiosos e culturais tradicionais acima de quaisquer projetos de reforma da sociedade.

E o tal do centro?

~ Consegue defender o capitalismo sem deixar de se preocupar com o lado social. Em teoria, a política de centro prega mais tolerância e equilíbrio na sociedade.

É claro que hoje em dia nada é isso ou aquilo e essas ideologias acabam se ramificando mais ainda e é daí que vem EXTREMA-ESQUERDA | ESQUERDA | CENTRO-ESQUERDA | CENTRO | CENTRO-DIREITA | DIREITA | EXTREMA-DIREITA

Quando eu achava que tinha entendido tudo aparece mais esse tanto de coisa pra descobrir.


Eu não sei se falei merda, ou se só confundi ainda mais sua cabeça, mas eu gostei de sair da minha zona de conforto e escrito esse texto. Espero que você também o tenha.



Você pode encontrar o infográfico da capa em alta qualidade aqui.

TAGS: , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

6 comentários

  1. GENTE QUE TEMA FHSUIDFHUSIHFIUSDHFIUDSHFIUDSHFIDHSIFHDSIFHS

    Deu pra entender bem a teoria com o seu texto, agora a prática....acho que nem o pessoal super partidário entende HGUIDFHGIUDHGIHDFIGHD

    Tá sensashow migo, arrasou

    ResponderExcluir
  2. Eu como um amante de História e uma pessoa que gosta bastante de discutir política (repare que não estou dizendo que sou bom, e sim que gosto) aprovo muito seu post. Está claro, divertido (Mean girls feelings) e é basicamente isso mesmo... <3

    www.facebook.com/estupefaca

    ResponderExcluir
  3. Eu adorei seu post, gostei tanto que queria ter mais coisas nele para ler. Acho que você foi simples e direto nele, mas como a Isabelle falou, a prática é muito mais em baixo né?

    ResponderExcluir
  4. Cara, você acabou de juntar todas as peças que estavam espalhadas na minha cabeça.
    Como você eu nunca fui interessado em política, mas acabei me vendo obrigado e imerso contra a minha vontade nesse mundo político.
    Também nunca tive vergonha de falar que eu não sei nada sobre política, mas percebo que não é uma "opinião" boa hoje em dia, principalmente com a situação do nosso país e do mundo.
    Obrigado pelo texto informativo, me ajudou pra caramba!

    ResponderExcluir
  5. Poderiam colocar essa imagem com uma resolução melhor, estou com dificuldades para enxergar por favor ?

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *