CCdiscussão Dana Martins

Personagem que não é branco sofre mais?

16.2.16Dana Martins


Tava conversando com a minha amiga sobre parecer que quando o personagem não é branco, ele costuma sofrer mais. Tipo, às vezes as histórias deles são literalmente dedicadas a sofrer pra dar base pra os personagens brancos. 


É uma coisa assim:
1. Você já tem raramente uma pessoa que não seja branca.
2. Quando você tem, eles normalmente estão ali só pra morrer. (sabe, personagem descartável de fundo)
3. E quando você chega ao ponto de ter um ali que tem a sorte de ter uma história própria, a história é sobre sofrer. 
4. E independente da situação, parece que eles sempre se machucam mais do que as pessoas brancas.

Isso é algo difícil de quantificar, e eu teria que pegar várias histórias pra ficar comparando pra ter certeza de que é uma tendência real, mas parece que sim.

"Quando personagens são introduzidos apenas ou sendo relevantes em termos do seu impacto na jornada de outro e/ou descartáveis, subconscientemente nós entendemos que eles têm menos valor."


Tipo, o trope de que vai morrer já é comum. Se tem uma história, se é uma situação arriscada, e tem um personagem que não é branco, é ele que vai morrer. Quando saíram as fotos de Fear The Walking Dead mostrando que o namorado da personagem interpretada pela Alycia Debnam-Carey era negro, a gente já sabia que ele ia morrer. (morreu) Dá pra fazer um drinking game fácil com morte de personagens que não são brancos, e isso mostra o nível do problema.

Só fazendo uma pesquisa rápida aqui encontrei um post no Revista Afro com uma análise de 10 filmes, que até diz que tem até teses de mestrado sobre o assunto, apareceu uma pergunta no yahoo perguntas sobre isso; em inglês, a primeira resposta foi sobre o trope (coisas que sempre acontecem nas histórias) Black Dude Dies First (Cara Negro Morre Primeiro) e essa análise muuito boa sobre essa mania de matar os personagens negros e mostra como os três personagens negros introduzidos no início de Fear The Walking Dead já morrem nos 2 primeiros episódios.

Aparentemente, The Walking Dead tem um problema sério sobre isso, porque todos os principais resultados de pesquisa falam da série.

A ironia é que eu acho que isso é um efeito colateral de tentar colocar mais representatividade. Tipo, como eles querem colocar esses personagens lá, mas sem tirar o protagonismo do branco, eles vão substituindo os secundários com minorias étnicas. Só que 90% dos papeis dos secundários é estar ali pra morrer ou sofrer de exemplo pra o protagonista entender. Quando é um papel secundário relevante, normalmente é um branco que assume.

E a consequência é sinistra, né? A gente raramente vê personagens que não são brancos, e quando eles aparecem eles estão morrendo, sendo estuprados, sendo esfaqueados, sendo torturados (...). 

Eu não acho que seja maldade, mas existe um racismo enraizado sinistro que faz os autores priorizarem as vidas dos brancos. 

"Então quando algumas das formas de mídia mais populares transmitem a mensagem de que alguns personagens são mais essenciais do que outros, isso reafirma uma crença - tóxica e perigosa - que já está enraizada no nosso subconsciente cultural. O fato de que a hashtag #BlackLivesMatter chega a ser necessária meio que diz tudo sobre isso."


"Mensagens particulares são transmitidas através de filmes e televisão, onde repetidamente tipos específicos de personagens recebem preeminência, autoridade, vidas internas mais complexas e autonomia, o que nos diz que eles são mais essenciais. Mais humanos, em essência. E nós então vemos essa ideia ser ecoada na nossa realidade externa. E vice-versa."

As citações desses posts são da análise muito boa que eu disse, Did Fear The Walking Dead just kill that character?

-------------

ALGUMAS HISTÓRIAS ONDE EU PERCEBI ISSO
(essa parte tem spoilers, se você não assistiu, passe direto)

Black Sails - A história inteira da Max na primeira temporada é uma tristeza (e ainda muito usada como alavanca pra história da Eleanor e da Anne). Inclusive, até na segunda quando sabemos que a Anne viveu algo semelhante, nós não vemos ela ser violentada em cena. Assistindo a Anne dar umas dicas para ela soou muito como "garota branca querendo dar pitaco na vida da garota negra sem entender a situação". Por outro lado, mostra um pouco as mulheres se unindo contra os homens. (mas ainda acho que tem algo estranho aí) Aquele cara negro que ajuda a Eleanor também tá ali só pra sofrer por ela.

The 100 - Talvez por ser a história que eu mais acompanho, né? Às vezes eu fico confusa porque tanta gente sofre tanto que é difícil medir. Mas nos últimos episódios da S3 mesmo, duas vezes a Emori foi machucada pra o Murphy ser o herói. Aliás, nesse episódio mesmo a Niylah é espancada e a Lexa leva um cuspe, e apesar delas serem brancas, são LGBT+, que é outra minoria que sofre do mesmo problema. (sério, os fãs que mais amam a Lexa já estão sofrendo com a morte dela, porque essa é a narrativa esperada quando você tem uma personagem lésbica) Ah. E ainda nesse episódio, o Bellamy foi machucado por causa da Clarke, o que nos leva a...

Star Wars: O Despertar da Força - Eu acho muito curioso que o arco do Finn em Star Wars seja parecido com o arco do Bellamy em The 100: dois caras que agem com princípios meio egoístas, encontram a protagonista branca e não só se descobrem heróis, como são validados como heróis dando a vida em nome delas. O arco do Finn é literalmente concluído quando ele quase morre por causa da Rey. e o Bellamy quase morre por causa da Clarke. Se isso aparecer com frequência... o que diabos essas histórias estão nos dizendo?

E essas são só as histórias que vão tão longe a ponto de dar um papel digno para uma pessoa que não seja branca.


TAGS: , , , , , , , ,

Mostre para o autor o que você achou Recomende:

MAIS CONVERSAS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

1 comentários

  1. Eu antes não notava essas coisas, era muito alienada. Mas eu acordei e fui percebendo os padrões.
    Eu sei que você se referiu a uma coisa, mas eu vou levar isso para outra direção. Este "sofrimento" acontece de outras formas também, e nas mãos dos produtores, roteiristas, fãs, shippers, críticos.
    Um exemplo: Iris West em The Flash. Nos quadrinhos ela é uma mulher branca, na série ela é negra e obviamente incomodou muita gente que não se acha racista. Sabe aquela coisa de shipar? Acredita que antes de Flash estrear o ship snowbarry surgiu? É Barry e Caitlin que na série são amigos, e obviamente ela é uma mulher branca. É muito normal ter preferências ou imaginar um casal diferente do que a série mostra, mas a coisa fica sinistra quando há um negro envolvido, é o ship que desperta mais ódio e as pessoas ficam agressivas e tem muita coisa nas entrelinhas. O argumento é "shipo porque tem mais química e não porque ela é negra". É tanta merda que vi que fica difícil acreditar nisso, acho que uma grande parte tem problemas com a cor dela.
    Iris geralmente fica na beiradinha do enredo. Inúmeras vezes ganhou uns diálogos e cenas bobos e alguns até ajudaram a estragar a imagem da personagem. Ela precisa provar que é digna do Barry, enquanto basta uma mulher branca abraçar o Barry que é o suficiente pra shipar. Na atual temporada foi "não oficialmente" substituída por Patty Spivot(que é loura), eles fizeram mais por uma personagem aleatória do que por alguém que está na série desde o pilot. Iris sempre é mais criticada mesmo quando faz coisa certa, os erros dela são lembrados sempre, enquanto de outros não são nem comentados ou vistos. Eu vi Patty ser amada por coisas que a Iris foi criticada!
    Ela não tem POV. Se ela demonstra emoções, ela incomoda. A conta oficial de The Flash raramente a promove, trata Caitlin como se fosse ela o par do herói.
    A cw é um lixo mesmo. E mesmo que uma mulher não seja um bom par romântico, ela por ser branca sempre será a que tem química. Eu acredito totalmente que se Felicity fosse negra, a Laurel nunca teria perdido seu posto de protagonista para ela.
    CW não sabe lidar com diversidade. Não valoriza os poucos personagens não brancos. Eles precisam melhorar isso, diversificar a sala de produção e roteiros, ou só escalarem atores brancos já que nadam no racismo. Eu fiquei chocada quando descobri que o amor do Flash seria feito por uma mulher negra. Eu aprovo 100%. Eu não me lembro de alguma vez na cw ou Warner o cara branco protagonista ser par de uma mulher negra. Tanto que acho que isso não foi ideia deles. E pelo fato dela ser negra é que eu sinto que eles não vão seguir os quadrinhos.
    Sugestão de post: shippers e casais de etnias diferentes.

    ResponderExcluir

Posts Populares

INSTAGRAM


Instagram

FALE COM A GENTE!

Nome

E-mail *

Mensagem *